Menu
Busca terça, 20 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Prefeitos do norte buscam solução para multas do Ibama

29 junho 2005 - 11h05

Prefeitos da região norte do Estado estão reunidos neste momento, no plenário da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), a fim de encontrar uma solução para a multas lavradas pelo Ibama aos produtores rurais. Participam do encontro o Procurador-chefe do Ministério Público, Sérgio Luiz Morelli, a Procuradora de Justiça, Irone Albes Ribeiro Barbosa, o presidente do Coredes (Conselho Regional de Desenvolvimento da Região Norte) e prefeito de Coxim, Moacir Kohl (PDT), Joel Quintino, da Famasul, além de representantes do Ibama, Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul) e da UCDB (Universidade Católica Dom Bosco). O prefeito de Costa Rica, Waldeli dos Santos Rosa (PMDB), representa a Assomasul, na condição de secretário-geral da diretoria da entidade. Para o prefeito Moysés Nery (PMDB), de Camapuã, que preside os trabalhos, há uma grande preocupação por parte do poder público e dos produtores rurais, que estão sendo multados pelo Ibama sem nenhum critério. Moysés disse reconhecer que existe alguns danos ao meio ambiente devido, inclusive, as condições da região norte do Estado, como erosões, mas o Ibama não tem se utilizado de nenhum critério para lavrar as multas. Ele disse que as multas variam de R$ 150 a R$ 400 mil, o que torna praticamente impossível de serem recolhidas pela classe produtora que encontra-se em dificuldade neste momento em decorrência de vários fatores negativos. Para os prefeitos, a idéia do encontro é propor uma Ajustamento de Conduta, até porque para se ter um prazo para fazer o levantamento do solo degradado e, após os estudos, tentar recuperá-lo.  Nery entende que, para isso, é preciso, acionar técnicos especializados por meio de uma parceria dos órgãos competentes, como do próprio Ibama, da Secretaria de Meio Ambiente, Seprosul, etc. "Tudo isso é possível, no sentido de aliviar essa tributação porque os produtores rurais estão sendo penalizados, é claro que tem problemas de erosão, mas não são só os produtores os responsáveis, existem a questão das estradas e outros fatores que também têm contribuído para isso", disse Nery. A maior reclamação durante a reunião foi feito pelo prefeito de Coxim, Moacir Kohl, a respeito de uma multa de R$ 1 milhão por causa de uma erosãso que existe no município desde 1977. "Eu fiquei supreso ao receber essa multa no dia 3 de janeiro, poucos dias após a posse", queixou-se, ao defender uma parceria no sentido de solucionar o problema. Na tentativa de resolver a situação, Kohl sugeriu a reativação do Cointa (Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento Sustentável da Bacia do Rio Taquari), formado pelos municípios de, Costa Rica, Alcinópolis, Figueirão, Camapuã, Bandeirantes, Coxim, Rio Verde, São Gabriel do Oeste, Sonora e Pedro Gomes."Basta a dedicação dos prefeitos do norte do Estado, já que o Cointa tem todo o estudo técnico e científico e pode nos auxiliar em questões como estas", sugeriu. Participaram ainda da reunião, dos prefeitos de Alcinópolis, Ildomar Carneiro Fernandes (Alcinópolis), Abadia de Lana (Bandeirantes), e de Sonora, Zeleir Antônio Maggioni.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Colisão entre carreta e pick-up mata motorista de 32 anos na BR-262
POLÍTICA
Congresso derruba veto de Bolsonaro e aumenta pena de crimes na internet
Rapaz diz que matou ex-padrasto após ser humilhado na frente da mãe
ROTEIRO PRÉVIO
CPI prevê quebras de sigilo, acareações e audiências auxiliares de Bolsonaro
MEIO AMBIENTE
Proprietário rural é multado em R$ 2 mil por desmatamento ilegal 
JUSTIÇA
Saiba onde ir em busca de um acordo como solução de seu conflito
JARDIM
Traficante abandona caminhonete com 1,7 tonelada de maconha
REGIÃO
Saúde de MS promete mais agilidade na entrega de resultados de exames
RIO VERDE
Preso homem que matou namorado da ex e atropelou bebê de 2 anos
DOURADOS
Prefeitura entrega remessa com 5 mil folhas de documentos da CPI Covid

Mais Lidas

ASSALTO
Mulher tem carro roubado ao parar no semáforo em Dourados
POLÍCIA
Irmãos morrem após serem atropelados por caminhonete em rodovia
LOTERIAS
Mega-Sena premia uma aposta com R$ 40 milhões e 11 douradenses acertam a Quadra
DOURADOS/ITAPORÃ
Produtor rural morto em acidente na MS-156 voltava de aniversário em pesqueiro