Menu
Busca sexta, 15 de janeiro de 2021
(67) 99659-5905
EDITORIAL

Preço da depredação

19 janeiro 2016 - 07h24

Idealizados e construídos no intuito de agregar o convívio em comunidade e servir como opção de lazer gratuito a toda a população, os parques públicos vem se tornando alvo de vândalos da pior espécie. Sem o mínimo de consentimento ou temor, agem furtando e depredando tudo o que encontram pela frente e que lhes sejam útil como se aquilo fosse deles, e não de um todo.

Um exemplo claro dessa falta de respeito é o Parque Ambiental Primo Fioravante Vicente, conhecido como Rêgo D’água, localizado no Jardim Água Boa, em Dourados. Com menos de dois anos desde a sua inauguração, nada escapa da ação dessas pessoas.

Portas, louças sanitárias e até tampa de caixa de energia são furtados. O descaso também se dá em relação às pichações e nas áreas de lazer, como playground e aparelhos para os usuários realizarem seus exercícios.

O fato do parque não possuir um posto de segurança também auxilia o ‘serviço’ desses marginais. Sem alguém para conter esse ímpeto, eles usam e abusam no sentido de fazer daquilo, o quintal da casa alheia, já que se estivessem nas suas residências, não ousariam a destruir o que é seu por direito.

E o pior, não sabem que tudo o que estragam será consertado com o dinheiro pago pelo próprio contribuinte, ou seja, dele mesmo.

Algumas regiões do parque – bastante extenso – viraram verdadeiras bocas de fumo e área de encontro de drogados que fazem dali, um mercadão da droga.

Uma obra de milhões aos cofres públicos continuará custando caso não cesse a situação. A população deve fazer a parte dela assim como o poder público também precisa colocar ordem naquela casa. Como? Os usuários podem contribuir através de denúncias e zelando pelo que é dele e a administração municipal levando segurança e impedindo que essa depredação permaneça acontecendo, além claro, de manter o lugar bastante receptivo às pessoas com poda do matagal e manutenção constante.

Só assim poderemos ter qualidade de vida e usufruir daquilo que por enquanto, ainda não precisamos de dinheiro para visitar.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CHAPADÃO DO SUL
Grávida é espancada pelo marido após ser flagrado com duas mulheres
COVID-19
Municípios de MS já estão cadastrados nos sistemas de vacinação
Polícia desenterra quase duas toneladas de drogas em fazenda
RIO VERDE
Polícia desenterra quase duas toneladas de drogas em fazenda
PREVIDÊNCIA
Prazo para recorrer de auxílio-doença negado termina neste sábado
CAPITAL
Homem não atende ao celular, é acusado de traição e apanha da esposa
PANDEMIA
Comitê altera decreto de combate a Covid em Rio Brilhante
DOURADOS
Portaria autoriza retomada das atividades presenciais na Câmara
UTI
Dourados atinge 100% de ocupação nos leitos SUS para Covid
EMPREGO
Polícia Federal lança edital de concurso com 1,5 mil vagas
BRASIL
Decreto reabre crédito de R$ 1,6 bi para aquisição de vacinas

Mais Lidas

DOURADOS
Prefeitura corta mais de 400 cargos comissionados de uma só vez
CLIMA
Chuva alaga ruas no centro de Dourados após calor acima de 38°C
PEDRO JUAN
Policial é executado com tiros de fuzil na fronteira
BR-163
Homem morre após colidir carro de passeio contra caminhão