Menu
Busca sexta, 25 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
ASSEMBLEIA

Três projetos e um veto estão pautados para votação nesta quinta-feira

13 agosto 2020 - 09h34Por Da Redação

Os parlamentares da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS) devem votar três projetos de lei e um veto parcial do Executivo nesta quinta-feira (13). A sessão ordinária acontece de maneira remota, a partir das 9h, e é transmitida ao vivo pelos canais de comunicação da Casa de Leis.

Discussão única

Está prevista a apreciação do veto parcial ao Projeto de Lei 22/2020, de autoria do deputado Neno Razuk (PTB). A proposta tem o objetivo de assegurar ao consumidor contratante de serviço público o direito de incluir o nome de seu cônjuge ou companheiro como adicional na fatura mensal de consumo. O veto abrange os artigos 2º, 3º e 4º - que estão relacionados a prazos, penalidades e regulamentação.

Segundo justificativa enviada pelo Poder Executivo, os dispositivos contrariam a Constituição Estadual, o que ocasiona impedimentos de ordem formal, material e de técnica. O parecer da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) foi favorável, por unanimidade, à manutenção do veto.

O Projeto de Lei 80/2020, do deputado Barbosinha (DEM), institui denominação histórica aos batalhões, esquadrão, companhias independentes e escolas da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul. De autoria do deputado Evander Vendramini (PP), o Projeto de Decreto Legislativo 54/2020 pretende declarar o carnaval de Corumbá patrimônio imaterial, histórico, artístico e cultural do Estado. As duas propostas receberam pareceres favoráveis por unanimidade da CCJR.

1ª discussão

O Projeto de Lei 125/2020, do Poder Executivo, altera a redação do inciso I do art. 2º da Lei 5.245, de 13 de agosto de 2018 - que institui o Sistema Estadual de Juventude do Estado de Mato Grosso do Sul, cria o Fundo Estadual de Juventude e dá outras providências.

A atual redação do dispositivo prevê que a Secretaria de Estado de Cultura e Cidadania compõe o Sistema Estadual de Juventude. Em razão de restruturação administrativa que reorganizou a Estrutura Básica do Poder Executivo, a referida Secretaria foi extinta e suas competências foram atribuídas à Secretaria de Estado de Governo e Gestão Estratégica. A proposta de alteração da lei recebeu parecer favorável por unanimidade da CCJR.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
Homem é encontrado morto com tiro no pescoço em bairro da Capital
BRASIL
Presidente Bolsonaro sanciona lei que amplia uso de assinatura digital
MARACAJU
Polícia apreende mais de 500 quilos de maconha em veículo abandonado
MS
Investigação aponta fazendas onde começou incêndio gigantesco no Pantanal
ANTÔNIO JOÃO
Casal é preso na região de fronteira com 126 quilos de cocaína
UEMS
Publicado Edital da Segunda Edição do Auxílio para Acesso à Internet
CAPITAL
Motorista que levou dois tiros foi atacado em local conhecido como "Buracão"
PARQUE
Ação conjunta vai resgatar animais silvestres na área atingida pelos incêndios
BONITO
Indígenas "fecham" unidade da Funai em protesto contra nomeação
TJ/MS
Justiça permite troca de sobrenome de infantes para homenagear avô

Mais Lidas

PANDEMIA
Novo decreto diminui toque de recolher e libera venda de bebidas em bares até as 23h
ACIDENTE
Mulher envolvida em acidente no Centro ficou presa às ferragens de veículo
PROSSEGUIR
Governo atualiza mapa da Covid e Dourados volta para "bandeira vermelha"
POLÍCIA
Homem morre ao tentar invadir delegacia de Glória de Dourados