Menu
Busca quinta, 09 de julho de 2020
(67) 99659-5905
BRASIL

STF deve decidir hoje se restringe compartilhamento de dados do Coaf

04 dezembro 2019 - 06h47Por G 1

O stf (Supremo Tribunal Federal) deve decidir nesta quarta-feira, dia 04 de dezembro, se restringe ou mantém o atual modelo de compartilhamento de dados bancários e fiscais sigilosos pela UIF (Unidade de Inteligência Financeira), antigo Coaf, sem autorização judicial.

Na semana passada, por 9 votos a 2, o STF decidiu que extratos bancários e declarações de Imposto de Renda de contribuintes investigados podem ser compartilhadas pela Receita com autoridades.

Também houve maioria de votos a favor do compartilhamento de relatórios pelo Coaf nos moldes em que sempre foram produzidos. Ainda falta definir, no entanto, se haverá restrições específicas no caso desse órgão.

Ao votar, o relator do caso, Dias Toffoli, propôs impedir o Ministério Público de encomendar ao órgão informações de pessoas específicas para fins de investigação, mas nem todos os ministros se manifestaram sobre esse tópico.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NORTE DE MS
Carretas pegam fogo após colisão na MS-306
PANDEMIA
MS confirma mais 608 novos casos de coronavírus em 24h
PANDEMIA
Presidente da Assembleia testa positivo para coronavírus
PREVENÇÃO
Mato Grosso do Sul adere a campanha “Alô Vizinho!”
PANDEMIA
Dourados confirma mais duas mortes por Covid-19 e tem 26 pacientes em UTIs
DOURADOS
Julho segue com temperatura média mais baixa em 20 anos
PREFEITURA
Donos de conveniências e academias protestam contra suspensão de atividades
PANDEMIA
Câmara de Dourados aprova suspensão do recesso parlamentar de julho
DESEMPREGO
Em meio a pandemia, mais de 100 merendeiras da Rede Municipal são demitidas em Dourados
CRIME AMBIENTAL
Homem que destruiu nascentes é multado por crime ambiental

Mais Lidas

DOURADOS
Decreto vai mandar fechar bares e academias por 10 dias
PANDEMIA
Comerciante de 45 anos é a 37ª vítima do coronavírus em Dourados
DOURADOS
Publicado, decreto que fecha bares e academias por 10 dias poderá ser prorrogado
DOURADOS
Após trégua, frio intenso deve voltar até o final de semana