Menu
Busca quinta, 26 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
PROTESTO

Sinjorgran reunirá comunicadores contra MP que revoga registro profissional

26 novembro 2019 - 06h35Por Da Redação

Jornalistas, radialistas, publicitários e estudantes estão convidados para somar forças e participar da elaboração de um plano de luta contra a Medida Provisória 905/19, publicada no Diário Oficial da União de 12 de novembro e que revoga a obrigatoriedade de registro profissional. O evento será realizado nesta terça-feira, dia 26 de novembro, às 19h30, no Plenarinho da Câmara de Vereadores de Dourados e é promovido pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais da Região da Grande Dourados (Sinjorgran).

Em Mato Grosso do Sul, o Sinjorgran e o Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Mato Grosso do Sul (Sindjor-MS) estarão articulados para agir em conjunto. As reuniões serão realizadas em Campo Grande, na segunda-feira, e no dia seguinte, em Dourados, buscando o envolvimento dos comunicadores de todo o estado.

A mobilização contra a MP 905/19 é nacional. Já nesta semana, a partir de 21 de novembro, a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) e os sindicatos de vários estados realizarão assembleias reunindo a categoria para defender a profissão. O objetivo é convocar um Dia Nacional de Lutas em Defesa do Jornalismo, que será realizado em 04 de dezembro, quando a federação enviará uma comitiva a Brasília para agenda com os presidentes da Câmara Federal, Rodrigo Maia, e do Senado Federal, Davi Alcolumbre.

Paralelamente, os sindicatos devem entrar em contato com os parlamentares que representam seus estados de origem para dialogar sobre a importância da retirada dessa MP, que altera diversos pontos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), se configurando numa nova Reforma Trabalhista. As alterações relacionadas ao controle de jornada diária e trabalho aos fins de semana, por exemplo, trarão muitos prejuízos aos jornalistas. “A pressão é importante. Após ação da Fenaj denunciando a precarização para a profissão com essa MP, já circularam informações de que Maia iria retirar esse item sobre o registro dos jornalistas, mas até isso ocorrer, devemos permanecer mobilizados”, orienta Maria José Braga, presidenta da Fenaj.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVA ALVORADA
Trabalhador morre atingido por barra de ferro no dia do aniversário
NÚMEROS DA PANDEMIA
Brasil registra 698 mortes por Covid em 24 horas e total soma 171,4 mil
CAMPO GRANDE
Preso é flagrado com 100 porções de cocaína no Centro de Triagem
JUDICIÁRIO
STF autoriza remarcação da data de concursos por crença religiosa
CAPITAL
Depoimento de assassino contradiz versão de pai sobre morte de Everton
PRESIDENTE INVESTIGADO
Bolsonaro diz que não vai depor em inquérito sobre interferência na PF
JARDIM
Homem é multado por derrubar árvores e incendiar a madeira ilegalmente
SENTENÇA
Flagrado transportando 28t de maconha, homem "pega" oito anos e 7 meses de cadeia
EMPREGO
Comarca de Sidrolândia abre vagas para remoção de juiz leigo
Justiça manda prender ex-vereador envolvido em escândalo sexual

Mais Lidas

VIOLÊNCIA
Mulher esfaqueia ex após discussão em hotel no Centro de Dourados
DOURADOS 
Foragido, autor de homicídio condenado a 16 anos é preso no Novo Horizonte
CRIME BÁRBARO
Suspeita de esquartejar e colocar corpo de namorado em malas se entrega à polícia
IMPROBIDADE
Caso de vereador que perdeu mandato em Dourados tem desfecho no STJ