sexta, 12 de julho de 2024
Dourados
11ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
ASSEMBLEIA

Sete propostas devem ser analisadas pelos parlamentares nesta quinta

05 outubro 2017 - 09h45Por Da Redação

Estão previstas sete matérias para apreciação dos deputados estaduais na Ordem do Dia desta quinta-feira (5). Em 2ª discussão, com pareceres favoráveis da Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia e da Comissão de Trabalho, Cidadania e Direitos Humanos, o Projeto de Lei (PL) 074/2017, de autoria da deputada Mara Caseiro (PSDB), que cria o Programa de Prevenção e Combate ao Jogo da Morte – Baleia Azul.

Também em 2ª discussão, com pareceres favoráveis da Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia e da Comissão de Segurança Pública e de Defesa Social, o PL 169/2017, de autoria do deputado Professor Rinaldo (PSDB), que inclui o ‘Dia do Voluntário no Corpo de Bombeiros Militar’ no Calendário Oficial de Eventos do Estado.

Em discussão única, com parecer favorável da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), o Projeto de Decreto Legislativo (PDL) 011/2017, de autoria do deputado Amarildo Cruz (PT), 2º secretário da Casa de Leis, que dispõe sobre o processo inaugural de tombamento para o Grupo de Catira da família Malaquias da comunidade quilombola de Santa Tereza, em Figueirão.

Já em 1ª discussão, com parecer favorável da CCJR, o PL 149/2017, de autoria do deputado Felipe Orro (PSDB), 3º secretário do Parlamento Estadual, que obriga os supermercados e estabelecimentos similares de varejo ou atacado a divulgarem a data de validade dos produtos alimentícios através da inserção no código de barras, e o PL 174/2017, de autoria do deputado Mauricio Picarelli (PSDB), que institui o Dia do Educador Especial, em Mato Grosso do Sul.

Também em 1ª discussão e parecer favorável da CCJR, o PL 201/2017, de autoria do deputado Lidio Lopes (PEN), que dispõe sobre a formação de preços ao consumidor de combustíveis no Estado e o PL 215/2017, de autoria do Poder Executivo, que autoriza o Governo do Estado a celebrar termos aditivos aos contratos firmados com a União com base na Lei Federal 9.496, de 11 de setembro de 1997, e na Medida Provisória 2.192-70, de 24 de agosto de 2001, para adoção das condições estabelecidas pela Lei Complementar Federal (LCF) 148, de 25 de novembro de 2014, e pela LCF 156, de 28 de dezembro de 2016.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Influenza faz vítima em Dourados e número de óbitos sobe para 65 em MS
GRIPE

Influenza faz vítima em Dourados e número de óbitos sobe para 65 em MS

Selecionadas as 10 canções finalistas do III Festival da Canção das Escolas Estaduais de MS
HAPPY HOUR

Selecionadas as 10 canções finalistas do III Festival da Canção das Escolas Estaduais de MS

Câmara dos Deputados aprova PEC e partidos políticos terão 'Refis' para dívidas
EM BRASÍLIA

Câmara dos Deputados aprova PEC e partidos políticos terão 'Refis' para dívidas

MONITORAMENTO ILEGAL

Assessores da Abin paralela produziam dossiês falsos; veja 5 pontos

TRÊS LAGOAS

Menina de 10 anos conta para professora que foi estuprada por tio

DETRAN/MS

Projeto de MS pela paz no trânsito é reconhecido nacionalmente

FISCALIZAÇÃO 

Agems facilita viagem segura nas férias com tecnologia e informações

SAÚDE 

Pesquisa mostra presença de álcool em pães de forma

SOLIDARIEDADE

Michel Teló faz show solidário hoje em prol do Hospital de Amor

PONTA PORÃ

Ministra anuncia Casa da Mulher Brasileira na região de fronteira

Mais Lidas

DOURADOS

Ministro admite atraso e prevê projeto de novo terminal do Aeroporto concluído até fim de julho

MS

Inscrições para o Curso de Libras EAD Nível I do 2º Semestre abrem dia 15 de julho

GESTÃO

Em Brasília, Alan assina contrato e aeroporto será administrado pela Infraero 

DOURADOS

Corpo de liderança indígena será sepultado na tarde desta quinta-feira