segunda, 15 de julho de 2024
Dourados
10ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
POLÍTICA

Senado participa de encontro literário no Amapá

21 junho 2024 - 12h53Por Agência Senado

O Conselho Editorial do Senado participa a partir desta sexta-feira (21) do Encontro Literário no Amapá: A Guiana Brasileira. O evento, que celebra a literatura e a cultura amapaenses, começa às 14h desta sexta e vai até domingo (23) na sede da OAB Amapá, em Macapá, com entrada gratuita. O encontro é promovido pela Ordem dos Advogados do Amapá, com apoio do Senado e do Conselho Editorial, presidido pelo senador Randolfe Rodrigues (sem partido-AP).

Durante os três dias de evento, a Livraria do Senado estará presente com um estande, oferecendo mais de 150 livros a preços populares, buscando democratizar o acesso à leitura e incentivar a cultura local. Entre os lançamentos, está Clevelândia: anarquismo, sindicalismo e repressão política no Brasil, de Alexandre Samis, com prefácio de Randolfe. O lançamento será nesta sexta-feira, às 19h, seguido de um debate.

Outras obras em destaque são Amapá – A Terra Onde o Brasil Começa (2ª edição), de José Sarney e Pedro Costa; O Mundo do Trabalho Colonial e a Construção da Fortaleza de São José de Macapá, de Leonardo Raiol; e Fronteiras da Escravidão, de João Carlos Nara Júnior.

Além disso, a Livraria do Senado disporá em seu estande diversas obras sobre a história do Amapá, livros legislativos e históricos.

O evento também celebra os 70 anos da Academia Amapaense de Letras, com uma sessão solene seguida pela doação de livros realizada pelo poeta Marco Lucchesi, presidente da Fundação Biblioteca Nacional e membro da Academia Brasileira de Letras.

A programação do encontro literário inclui palestras, oficinas, apresentações artísticas, debates literários e contação de histórias, visando estimular a leitura, cultura e artes no Amapá.

Jovem Senador

O evento também servirá de palco para a escolha do representante amapaense no concurso Jovem Senador. O Programa Jovem Senador é uma iniciativa do Senado que oferece aos estudantes do ensino médio de escolas públicas (selecionados por meio de concurso de redação) a oportunidade de vivenciar a prática parlamentar.

O estudante vencedor do Amapá viajará a Brasília para participar da Semana de Vivência Legislativa, de 5 a 9 de agosto, onde simulará o trabalho de um senador. Neste ano, vários projetos originados de sugestões legislativas dos jovens senadores foram aprovados pelo Senado, incluindo uma proposta que estabelece diretrizes para a educação básica em tempo integral (PL 756/2015). O texto está em análise na Câmara dos Deputados.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

IVINHEMA

Mulher denuncia ex-marido e atual companheira por importunação

RURAL

BNDES vai disponibilizar R$ 66,5 bilhões para o Plano Safra

AQUIDAUANA

Jovem ferido se esconde de bombeiros que tentavam socorrê-lo

Primeiras notas do real vão sair de circulação; entenda por quê
ECONOMIA

Primeiras notas do real vão sair de circulação; entenda por quê

Motociclista morre dois meses após ser atingido por veículo

POLÍTICA

Brasil chama embaixador na Argentina para consultas sobre Milei

Motorista que atropelou e matou motociclista é condenado

JUDICIÁRIO

Abin Paralela: Moraes retira sigilo de áudio de conversa de Bolsonaro

PORTO MURTINHO

Secretária de finanças é indiciada por simular sequestro para dar golpe

EDUCAÇÃO

Ex-alunos da UFGD têm oportunidade de voltar para a faculdade

Mais Lidas

ABUSO SEXUAL

Homem é preso em flagrante acusado de estuprar sobrinha em Dourados

OPORTUNIDADE

Com recrutamento noturno, indústria abre 400 vagas de trabalho em Dourados

MS

Inscrições para o Curso de Libras EAD Nível I do 2º Semestre abrem dia 15 de julho

DOURADOS

Ministro admite atraso e prevê projeto de novo terminal do Aeroporto concluído até fim de julho