quinta, 19 de maio de 2022
Dourados
18°max
min
Campo Grande
17°max
min
Três Lagoas
21°max
min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
REGIÃO

Obra da MS-166 avança, melhorando a logística da Rota Bioceânica

13 maio 2022 - 06h35Por Da Redação

Interligando regiões de produção de grãos, cana e carne de Maracaju, Nioaque, Guia Lopes da Laguna, Jardim, Antônio João, Caracol e Ponta Porã, o Governo de Mato Grosso do Sul implanta 37,6 km de pavimentação asfáltica na rodovia MS-166, entre a MS-460 (Água Fria) e a BR-267, com investimentos de R$ 54,6 milhões. A chegada da infraestrutura amplia a malha rodoviária, criando novas alternativas de transporte em direção à Rota Bioceânica (Porto Murtinho).

Na outra ponta da MS-166, no trevo com a MS-270, o Estado concluiu o asfaltamento de 23,76 km, da Cabeceira do Apa (Ponta Porã) a Antônio João. A partir de Guia Lopes da Laguna, duas frentes de obras de pavimentação avançam pela MS-382 em direção à MS-166, totalizando 77,2 km. Integrando o corredor de produção, também foram concluídos 10,36 km entre as MS-382 e MS-270. O investimento total soma R$ 266 milhões, recursos do Fundersul.

“Nós estamos ligando regiões produtivas importantes. O Estado recuperou a capacidade de investir e se tornará uma zona de convergência dos mercados importador e exportador. É por isso que somos o primeiro em investimento per capita do Brasil. A nossa economia vai bem e os investimentos são importantes porque fortalecem a estrutura de logística, tornando nossos produtos mais competitivos”, afirma o governador Reinaldo Azambuja.

A pavimentação asfáltica em execução pelo Governo do Estado nas regiões Sul e Sudoeste anexa importantes rodovias situadas próximas ou na linha de fronteira com o Paraguai – o chamado tronco Apaporé, aberto na década de 1980 pelo ex-governador Pedro Pedrossian – a outros polos regionais de produção. Também cria caminhos seguros para o escoamento do agronegócio e o desenvolvimento do turismo, além de levar desenvolvimento aos municípios.

Asfalto traz progresso

Acomodado em uma cadeira na varanda de sua antiga borracharia, no entroncamento da MS-166 com a BR-267, o aposentado Antônio Ortiz Souza, conhecido como Toninho Polaco, observa a movimentação de máquinas e operários preparando o solo para receber a pavimentação asfáltica tão sonhada pelos produtores e população de Maracaju. Ele mora naquele lugar há 30 anos, acompanhou a evolução do agronegócio – do boi para o grão.

“Aqui era só boi nesses campos, depois veio a cana e agora é a soja e o milho. Essa estrada era um trieiro e abandonada, acesso muito difícil, quando chovia não passava nada”, conta. “Mas agora vai melhorar, o asfalto traz o progresso, tô pensando até em montar um restaurante aqui”, complementa Polaco, 62. “Vim pra cá porque gosto, deixei os negócios em Maracaju (distante 52 km) com os filhos e estou aqui vivendo com a minha esposa (Isabel).”

Ao lado da casa de madeira do antigo morador, a empreiteira São Cristóvão, responsável pela obra, montou canteiro e concluiu a instalação da usina de asfalto. O engenheiro encarregado, Felipe Alves, adiantou que a meta é iniciar na primeira semana de julho a implantação da massa asfáltica e finalizar a obra em dezembro deste ano. “Tudo vai depender das condições climáticas, tem chovido muito. O solo é de argila, não tem como trabalhar”, explica.

Apesar da chuva, a obra avança pela estrada conservada pela Agesul, entrecortando extensas lavouras de milho. Operários e máquinas trabalham no serviço de terraplenagem de 20 km, dos quais 15 km foram concluídos. A drenagem também está adiantada, com a implantação de 14 de um total de 17 bueiros. Quando iniciar a etapa do asfalto, a São Cristóvão estima contratar mais 30 operários – hoje executa a obra com 75 homens e mulheres.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO

Agente penitenciário preso em operação contra o PCC é demitido

LEI SECA

Fux vota pela manutenção de multa a motorista que recusa bafômetro

Polícia encontra mais de meia tonelada de maconha em milharal
PONTA PORÃ

Polícia encontra mais de meia tonelada de maconha em milharal

BENEFÍCIO

Bolsonaro sanciona Auxílio Brasil com valor mínimo de R$ 400

TRÊS LAGOAS

Mulher tenta matar namorado após ele tentar terminar relação

UFGD

Mostra Radioteatro Experience acontece sábado em Dourados

CAMPO GRANDE

Madeireira é lacrada após denúncias de carga ilegal de madeira

ELEIÇÕES 2022

Após reunião, partidos da 3ª via adiam anúncio de candidato único

GERAL

Após denúncia Procon encontra alimentos vencidos em supermercado

ESTATAL DE ENERGIA

TCU autoriza venda da Eletrobras, a 1ª grande privatização de Bolsonaro

Mais Lidas

PEDRO JUAN CABALLERO

Dupla é executada em pátio de posto de combustíveis

IDENTIFICADO E PRESO

Quarto envolvido em roubo de joalheria saiu de Dourados para dar apoio aos assaltantes

DOURADOS 

Jovens presos por tráfico vendiam drogas para público universitário

FRONTEIRA

Prefeito de Pedro Juan é alvo de atentado a tiros