Menu
Busca quinta, 06 de maio de 2021
(67) 99257-3397
LEGISLATIVO DE MS

Nome da sede do DOF homenageando Coronel Adib segue à sanção

20 abril 2021 - 11h43Por Da Redação

Os deputados da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS) apreciaram quatro matérias durante a Ordem do Dia desta terça-feira (20). De autoria do deputado Barbosinha (DEM) foi aprovado em discussão única o Projeto de Lei 41/2021, que denomina "Coronel Adib Massad" a nova sede do Departamento de Operações de Fronteiras (DOF), em Dourados.Tramitam apensados à matéria os Projetos de Lei 43 e 44/2021, de autoria dos deputados Neno Razuk (PTB) e Coronel David (Sem Partido), respectivamente, por versarem sobre o mesmo assunto.

Barbosinha destacou a importância de Coronel Adib. “O legado dele era demonstrado quando vinha a essa casa quando o chamávamos de lenda viva, e lenda viva não morre. Quando denominamos um prédio de uma instituição que ele passou a vida defendendo, evidentemente que esse nome fica perpetuado, principalmente na região da Grande Dourados, onde ele mais atuou”, frisou.

O deputado Coronel David falou da relevância do Coronel Adib para a segurança pública. “Quero render minhas homenagens a família do nosso Coronel Adib, essa homenagem é mais que merecida a quem sempre atuou na defesa dos sul-mato-grossenses”, relatou o parlamentar.

O deputado e presidente Paulo Corrêa (PSDB) também votou favoravelmente pela aprovação do projeto. “É facultado pelo nosso regimento que o presidente só vote em caso de empate ou se quiser votar, e eu quero votar nesse projeto, a favor dessa homenagem justa ao Coronel Adib Massad. Voto sim, deixo aqui registrado esse voto”, disse.

Também em discussão única, foi aprovado por unanimidade durante a sessão ordinária o Projeto de Resolução 5/2021, de autoria do deputado Neno Razuk, que concede Título de Cidadão Sul-Mato-Grossense ao Dr. José Carlos Manhabusco.

Primeira discussão

Com parecer contrário por maioria da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), foi apreciado em primeira discussão o Projeto de Lei 32/2021, de autoria do deputado João Henrique (PL). A matéria, que dispõe sobre a obrigatoriedade da divulgação, no portal da transparência do Estado, das pessoas imunizadas contra a Covid-19, foi rejeitada em Plenário e será arquivada.

O autor defende a transparência da imunização para evitar fraudes. “Esse projeto visa ajudar com que façamos o cumprimento do plano nacional de imunização, para dar maior efetivação e transparência aos atos da imunização. Com esse projeto conseguiríamos evitar que as pessoas furassem fila, apenas inserindo no sistema quem foi vacinado, sem divulgação completa dos dados. Projeto simples e barato que não traz custos”, informou o deputado João Henrique.

O deputado Eduardo Rocha (MDB), que relatou o projeto na CCJR, explicou a razão do parecer contrário à tramitação emitido pelo grupo de trabalho. “Todo e qualquer indivíduo tem direito a proteção a sua privacidade e intimidade, direito sem os quais não haveria estrutura mínima a qual se fundaram o Estado de Direito, baseado nisso inicialmente o nosso parecer foi emitido”, relatou.

Redação final

Também analisada a Redação Final do Projeto de Lei 230/2020, de autoria do Poder Executivo, que altera e acrescenta dispositivo à Lei 1.963, de 11 de junho de 1999, que cria o Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário do Estado de Mato Grosso do Sul (Fundersul). Na prática, a alteração possibilita a utilização do Fundersul para aquisição, locação e manutenção de veículos automotores destinados ao apoio operacional e fiscalizatório e de equipamentos rodoviários, voltados ao atendimento da Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul (Agesul). A matéria segue à sanção.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Homem é preso com caminhonete e pistola na MS-164 logo após assalto
POLÍTICA
Senado Federal aprova penas mais duras contra crimes cibernéticos
APARECIDA DO TABOADO
Homem é esfaqueado ao tentar impedir mulher de sair para comprar drogas
IMUNIZANTE
Mais 628 mil vacinas da Pfizer chegam ao Brasil nesta quarta-feira
RIBAS DO RIO PARDO
Detetive particular já condenado é preso por dirigir embriagado após acidente
JUDICIÁRIO
Justiça Federal absolve ex-presidente Temer de envolvimento em 'quadrilhão'
COXIM
Homem agride filho e nora de vereador, quebra viatura e danifica loja
SELEÇÃO
Ibama é autorizado a contratar 1,6 mil funcionários temporários
NAVIRAÍ
Ambiental apreende armadilha de caça de animais silvestres de grande porte 
BRASIL
Bolsonaro veta prorrogação para entrega de declaração do Imposto de Renda

Mais Lidas

PANDEMIA
Decreto reduz toque de recolher em Dourados na semana do Dia das Mães
DOURADOS
Pancadaria em motel termina na delegacia com três pessoas detidas
REGIÃO
Mãe e filha são executadas em locais diferentes na fronteira
PONTA PORÃ
Vítima de execução na fronteira registrou boletim de ocorrência contra o namorado