Menu
Busca sexta, 10 de julho de 2020
(67) 99659-5905
LEGISLATIVO

Na primeira sessão do mês, deputados devem apreciar dois vetos do Executivo

03 março 2020 - 09h31Por Da Redação

Os deputados da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS) devem apreciar dois vetos durante a primeira Ordem do Dia do mês de março, nesta terça-feira (3). As matérias foram enviadas pelo Poder Executivo e estão previstas para votação em discussão única.

Entre elas o veto total ao Projeto de Lei 15/2019, de autoria do deputado Evander Vendramini (PP), que proíbe, em Mato Grosso do Sul, as instituições financeiras de ofertar ou celebrar qualquer tipo de contrato de operação de crédito com aposentados e pensionistas por meio de comunicação telefônica.

O parecer da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) foi favorável à manutenção do veto.

Também está pautada a votação do veto total ao Projeto de Lei 148/2019, de autoria do deputado Capitão Contar (PSL), que institui a Semana de Combate à Violência Obstétrica, no âmbito de Mato Grosso do Sul, e dá outras providências. A CCJR foi favorável à rejeição do veto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PONTA PORÃ
Polícia cumpre mandados e prende cinco envolvidos com o tráfico
DOURADOS
Primeiro escalão da prefeitura teve quase 50 trocas em três anos e meio
BRASIL
Sancionada lei que suspende pagamento de parcelas do Fies
CONTRABANDO
Cigarros que seriam levados a Minas são apreendidos em MS
PANDEMIA
MS ultrapassa 12,2 mil casos de coronavírus e confirma mais 10 óbitos
DOURADOS
No Dia do Comerciante, Aced traz "o melhor trainer do mundo" para Roda Empresarial
PANDEMIA
Dourados passa de 2 mil recuperados da Covid-19, mas tem maior número de mortes
NEGÓCIOS & CIA
Agiliza Certificação Digital
IGUATEMI
Feto é encontrado dentro de sacola com fraldas e papel higiênico
CRIME AMBIENTAL
Durante fiscalização em carvoaria, foragido da Justiça é preso

Mais Lidas

DOURADOS
Decreto vai mandar fechar bares e academias por 10 dias
DOURADOS
Publicado, decreto que fecha bares e academias por 10 dias poderá ser prorrogado
PANDEMIA
Pneumologista é o terceiro médico a morrer por covid-19 em Dourados
DOURADOS
Decreto é alterado e agora autoriza delivery e drive-thru para bares e conveniências