Menu
Busca terça, 14 de julho de 2020
(67) 99659-5905
SUCESSO

MS expõe programa "Criança Feliz" a técnicos do Ministério da Cidadania

12 dezembro 2019 - 21h05Por Da Redação

O Programa Criança Feliz em MS, gerenciado pela Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), tem se consolidado como modelo para o restante do País. Por meio de convite da Secretaria Nacional de Assistência Social e da Secretaria Nacional de Promoção do Desenvolvimento Humano, ambas ligadas ao Ministério da Cidadania, resultados obtidos em MS foram expostos nesta semana para um grupo de trabalho.

A técnica da equipe em MS, Alessandra Neri, apresentou as experiências e a metodologia de trabalho desenvolvida pelo Estado do Mato Grosso do Sul com as crianças afastadas do convívio familiar no âmbito da promoção do desenvolvimento integral na primeira infância. Após a apresentação os 17 técnicos do Ministério da Cidadania, e também representantes da Unesco, puderam esclarecer suas dúvidas e interesses em torno do tema.

A coordenadora do programa em MS, Edna Bordon, ressaltou a importância da apresentação em âmbito nacional e ainda considerou a agenda como positiva e fortalecedora para a equipe do Estado. A semana prossegue também em Brasília com reunião de equipes nacionais do Criança Feliz, com um balanço de 2019 e as perspectivas para 2020.

Criança Feliz

Para aderir ao Programa o gestor da assistência social deve acessar o sistema Rede SUAS com seu CPF e senha. Depois, basta preencher o Termo de Adesão ao programa Criança Feliz e encaminhá-lo para aprovação do Conselho Municipal de Assistência Social. O Conselho Municipal de Assistência Social deverá inserir a sua aprovação no sistema Rede SUAS. Acesse aqui o sistema de adesão.

Dúvidas perante o processo de adesão podem ser esclarecidas na coordenação estadual do programa via e-mail criançafelizms@sedhast.ms.gov.br ou ainda pelo telefone (67) 3318-4131.

O Criança Feliz leva orientações sobre o desenvolvimento das crianças de até três anos inseridas no Cadastro Único para programas sociais do Governo Federal e de até seis anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC). Por meio de visitas domiciliares, o programa promove apoio às gestantes na preparação para o nascimento da criança, estímulo ao desenvolvimento infantil com atividades lúdicas e, principalmente, fortalecimento do vínculo afetivo entre a criança e familiares.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
TJMS condena réu de tentativa de furto por resistência e desacato
ECONOMIA
Petrobras bate recorde na produção de diesel menos poluente
PANDEMIA
Secretarias municipais devem encaminhar resultados de testes rápidos da Covid-19 à SES
CALIFÓRNIA
Corpo de atriz de Glee é encontrado por oficiais
REGIÃO
Adolescente é apreendido pela PM pela décima vez em 2020
BRASIL
Mourão diz que desmatamento foi além do aceitável na região amazônica
EDUCAÇÃO
Feira científica de MS abre inscrições para alunos da rede pública e privada de todo o Brasil
REGIÃO
Quatro são autuados pela PMA por pesca ilegal no rio Sucuriú
COTAÇÃO
Dólar fecha em alta atento a cenário externo
REGIÃO
Barraca de atendimento a suspeitos de Covid-19 é rasgada por vândalos

Mais Lidas

DOURADOS
‘Deus no comando amem’: antes de crimes, atirador postou pregação religiosa
BARBÁRIE
Homem assassina ex, atira em crianças e se mata no altar de igreja em Dourados
DOURADOS
Atirador baleou criança de quatro anos na cabeça ao abrir fogo para matar ex-mulher
DOURADOS
Atirador chegou em igreja na hora da comunhão e entrou dizendo ter feito bobagem