domingo, 23 de janeiro de 2022
Dourados
38°max
24°min
Campo Grande
35°max
23°min
Três Lagoas
39°max
24°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
DOURADOS

Missão Univida promove ação humanitária na Reserva Indígena

14 janeiro 2022 - 07h19Por Da Redação

O Prefeito Alan Guedes esteve na tarde da última quarta-feira, dia 12 de janeiro, com os representantes e voluntários da Missão Univida, que promove uma grande ação humanitária na Reserva Indígena de Dourados. O encontro aconteceu na Escola Municipal Indígena Tengatuí Marangatú.

“Ações como essa são de grande importância para a comunidade indígena. A Missão Univida é considerada a segunda maior missão humanitária da América Latina e nós enquanto administração temos que prestar o apoio necessário. É uma união de esforços que chega a um importante resultado”, pontuou o prefeito Alan.

“A prefeitura participou colaborando com todo o apoio logístico que nos foi solicitado para a realização da missão”, afirma o secretário adjunto de saúde, Edvan Marcelo Marques, que estava acompanhando o prefeito.

Os 140 voluntários, entre médicos, dentistas, enfermeiros, nutricionistas, psicólogos, e acadêmicos, chegaram no domingo (9) a Dourados, onde realizaram diversas atividades, principalmente na área da saúde.

Segundo o Diácono, Erismar Pitarello, que é um dos representantes da Missão, essa edição foi realizada de forma atípica, já que é no mês de julho que normalmente acontece a ação. “Em razão da pandemia, não realizamos a ação durante dois anos, e por isso, a missão veio em janeiro, com 140 pessoas, sendo 120 profissionais e 20 pessoas como equipe de apoio. Em julho, a missão retorna a Dourados com 300 pessoas. A missão trouxe 40 toneladas de doações, entre medicamentos, roupas, calçados, brinquedos e alimentos, e dentro das atividades também é realizada essa distribuição”, explica.

“Também é muito importante destacar o apoio que recebemos da Prefeitura de Dourados, na pessoa do prefeito Alan Guedes, do secretário Edvan, da Guarda Municipal, que não mediram esforços para nos atender das demandas solicitadas”, ressalta Pitarello.

Os atendimentos realizados foram feitos por uma equipe multiprofissional. “A missão tem um cunho humanitário, mas prezamos pelos atendimentos na área da saúde. Os procedimentos mais procurados pela população são os atendimentos médicos, de enfermagem e de odontologia. Acredito que realizamos entre 600 e 700 atendimentos por dia nessa missão”, relata o enfermeiro, Adler Roberto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Governador do Rio detalha ações do programa Cidade Integrada
BRASIL

Governador do Rio detalha ações do programa Cidade Integrada

Terceira Turma realizará primeiras sessões de fevereiro por videoconferência
STJ

Terceira Turma realizará primeiras sessões de fevereiro por videoconferência

BRASIL

PDT questiona medidas de desestatização da companhia de saneamento do RS

BRASIL

Mostra de Tiradentes discute mudanças do cinema em meio à pandemia

Distrito Federal inicia vacinação de crianças a partir de 6 anos
COVID-19

Distrito Federal inicia vacinação de crianças a partir de 6 anos

MS

No período de férias, Bombeiros alertam para cuidados durante as trilhas

PANDEMIA

STJ convoca sessão extraordinária do Pleno para discutir retorno das atividades presenciais

COVID-19

Reforço de marca diferente é mais eficaz para vacinados com CoronaVac

BRASIL

Livraria do STF disponibiliza downloads gratuitos de obras

V Concurso Extrajudicial

TJ convoca candidatos para prova escrita e prática no dia 6 de fevereiro

Mais Lidas

REGIÃO

Grave acidente deixa oito mortos em rodovia

DOURADOS

Morto em confronto, além de ser suspeito de morte de menor, tinha extensa ficha criminal

DOURADOS

Dois são flagrados com droga na PED

TRÁFICO DE DROGAS

Cocaína que saiu da região de fronteira do MS é interceptada em SP