Menu
Busca quinta, 16 de julho de 2020
(67) 99659-5905
MINISTROS DE BOLSONARO

Maia critica Weintraub e diz que Salles perdeu condições de interlocutor

30 janeiro 2020 - 06h59Por G 1

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta quarta-feira, dia 29 de janeiro, que o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, perdeu "as condições de ser o interlocutor" do governo na área. Maia criticou ainda o ministro da Educação, Abraham Weintraub.

A declaração foi dada em evento organizado pelo banco Credit Suisse, que reuniu economistas, investidores e representantes do poder público para discutir uma agenda de investimentos no Brasil.

Maia disse que 2020 corre o risco de não ser um ano "tão bom se a gente não resolver a questão do meio ambiente" e "não dar uma sinalização um pouco mais dura". "Acho que o governo começou a entender isso e tomou decisão com aquele comitê comandado pelo vice-presidente [Hamilton] Mourão. Acho que é um passo, mas outros passos a gente precisa dar."

Foi então que Maia citou Salles: "Eu não sei como é que o governo vai fazer com o seu ministro do Meio Ambiente. Eu acho que, de alguma forma, ele [Salles] perdeu as condições de ser o interlocutor. Acho que ele radicalizou demais, não sei se combinado com o presidente ou não."

O Comitê da Amazônia foi criado para que o governo tenha uma atitude "mais proativa" em relação ao meio ambiente, disse Mourão em 21 de janeiro.

Em relação a Weintraub, Maia disse:

"A mesma coisa do Ministério da Educação. Como que faz para o investidor olhar que o Brasil tem um ministro da Educação desse? Nosso país não tem futuro, né? Não tem futuro. Parece um passado ruim, porque conseguiu fazer de um cara desse o ministro da Educação... que construção que nós tivemos".
O G1 procurou também a assessoria de Weintraub e aguarda resposta.

Cronologia de erros no Enem

O ministro da Educação enfrenta críticas em razão de erros na realização do Enem e no Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

No dia 17 de janeiro, depois que as notas individuais do Enem 2019 foram divulgadas, estudantes divulgaram relatos de avaliações diferentes entre candidatos que tiveram o mesmo número de acertos ou notas próximas a zero mesmo com número alto de acertos.

Um dia depois, no sábado (18), Weintraub e Alexandre Lopes afirmaram que houve falhas na correção das provas do segundo dia, o que atingia "um grupo muito pequeno". No domingo (19), o Inep informou que estava revisando as notas dos dois dias de provas do Enem 2019.

Ao fim da revisão das notas, foram identificados problemas em 5.974 provas – 96,7% estavam concentrados em 4 cidades: Alagoinhas (BA); Viçosa (MG); Ituiutaba (MG) e Iturama (MG).

Em entrevista na segunda, o presidente do Inep, Alexandre Lopes, afirmou que o erro ocorreu na gráfica Valid Soluções S.A.

Lopes explicou que a gráfica imprime o caderno de questões do candidato, que é identificado com um código de barras do aluno. Depois, imprime o cartão de respostas (gabarito), que também tem um código. Outra máquina une estes dois documentos. O erro ocorreu nesta união e na geração do código de barras.

Após ação da Defensoria Pública da União (DPU), a Justiça chegou a suspender a divulgação do resultado do Sisu, mas o STJ derrubou a decisão --a pedido da Advocacia Geral da União (AGU). Os resultados foram liberados no começo da noite de terça-feira (28).

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONTRABANDO
Ação conjunta resulta na apreensão de mil caixas de cigarros
ECONOMIA
Pandemia fecha 39,4% das empresas paralisadas, diz pesquisa do IBGE
DOURADOS
Délia nomeia interino para direção da Secretaria Municipal de Fazenda
PANDEMIA
Capital ultrapassa Dourados em mortes por coronavírus após quase um mês
CAMPO GRANDE
Adolescente morre após acidente entre moto e caminhão
POLÍCIA
Veículo e objetos furtados no Jardim Paulista são recuperados
BRASIL
Paulo Guedes testa negativo para Covid-19, informa ministério
DOURADOS
Acidente deixa motociclista ferido no Jardim Clímax
AGRONEGÓCIO
Mato Grosso do Sul começa colheita do milho com projeção de 72 sacas por hectare
TRÁFICO
Homem é preso com droga que seria entregue em Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
Criança baleada por atirador em noite sangrenta morre no hospital
PANDEMIA
Prefeita de Dourados, Délia Razuk testa positivo para coronavírus
INFORME PUBLICITÁRIO
Chama reinaugura supermercado em novo endereço com novidades e promoções
DINHEIRO PÚBLICO
Gaeco faz operação em Dourados e vai à casa de ex-secretária de Saúde