Menu
Busca terça, 14 de julho de 2020
(67) 99659-5905
CPI DA JBS

Imóveis e R$ 115 milhões da JBS são bloqueados pela Justiça

05 outubro 2017 - 17h05Por Da Redação

Foi acatado pela Justiça o pedido da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, que investiga benefícios fiscais do governo estadual à JBS. Com a medida, houve a determinação pelo bloqueio de bens da empresa em R$ 115 milhões em valores, além de todos os imóveis da empresa existentes no Estado.

Conforme o Campo Grande News, a 1ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais de Campo Grande, do juiz Alexandre Antunes da Silva, confirmou o bloqueio sem especificar valores.

No entanto, no fim de setembro, o grupo de investigação protocolou pedido de bloqueio de R$ 115 milhões por ela não ter cumprido os investimentos nas oito unidades do Estado: duas em Campo Grande, além de Coxim, Nova Andradina, Sidrolândia, Cassilândia, Ponta Porã e Naviraí.

Ainda conforme o site, a empresa deveria investir R$ 285 milhões nas oito unidades, no entanto antes das visitas marcadas pela CPI, a JBS enviou comunicados reconhecendo que não havia cumprido tais organizações, se tornando para os deputados, " ré confessa".

Neste termo de acordo firmado em 2016, foi concedido à empresa R$ 99 milhões em incentivos fiscais, que ela deixou de pagar em impostos. 

A CPI entrou com outro pedido de bloqueio de R$ 130 milhões em função de enviar notas fiscais repetidas para ter acesso a redução de ICMS.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PANDEMIA
Mais três municípios solicitam à Assembleia reconhecimento de estado de calamidade
BRASIL
AGU pede ao STF que União defina aplicação de recursos da Lava Jato
MATO GROSSO DO SUL
Saúde divulga novo mapa hospitalar de leitos para coronavírus
BRASIL
Diabetes afeta rotina familiar de 80% dos pacientes, diz pesquisa
CAMPO GRANDE
Mulher é multada por atear fogo em resíduos no quintal
BRASIL
Indenização para profissional da saúde afetado por covid-19 é aprovada
MS
MPT solicita inspeção em frigoríficos para verificar medidas sanitárias diante de pandemia
CORUMBÁ
Suspeito de matar dona de restaurante é preso em motel
ECONOMIA
Dólar fecha em queda após atingir R$ 5,45
RESSOCIALIZAÇÃO
Estado lidera ranking de políticas positivas voltadas a presas

Mais Lidas

DOURADOS
‘Deus no comando amem’: antes de crimes, atirador postou pregação religiosa
BARBÁRIE
Homem assassina ex, atira em crianças e se mata no altar de igreja em Dourados
DOURADOS
Atirador baleou criança de quatro anos na cabeça ao abrir fogo para matar ex-mulher
DOURADOS
Atirador chegou em igreja na hora da comunhão e entrou dizendo ter feito bobagem