quinta, 23 de maio de 2024
Dourados
33ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
PRESIDENTE EM MS

Geraldo comemora fala de Lula sobre terras a indígenas e diz ter projetos para aldeias de Dourados

12 abril 2024 - 17h22Por Da Redação

Em visita a Campo Grande, nesta sexta-feira (12), o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, propôs ao governador do Mato Grosso do Sul, Eduardo Riedel, que fosse comprado em sociedade terras para os indígenas guaranis que vivem na região de Dourados. A fala do presidente ocorreu durante cerimônia de encaminhamento do primeiro lote de carne bovina, que será enviado para a China, através de frigoríficos recém-habilitados para exportação ao país asiático.

Imediatamente a fala do presidente, o Deputado Federal Geraldo Resende (PSDB-MS), se levantou e aplaudiu de pé a proposta de Lula. Como já é sabido, o parlamentar tem dedicado também o seu mandato em viabilizar melhorias dentro das aldeias indígenas de Jaguapiru e Bororó, como a construção de uma Unidade de Pronto Atendimento completa, implantação de água e esgotamento sanitário, reforma da vila olímpica indígena, ônibus escolar, além de construção de escolas e creches nas duas aldeias, onde vivem mais de 15 mil indígenas.

“Na semana em que fui ao Palácio do Planalto para cobrar melhorias na saúde, educação, saneamento e infraestrutura para os nossos povos originários de Dourados, vejo que as nossas reivindicações chegaram em tempo ao presidente. Estou entusiasmado de que com o olhar do presidente Lula e do nosso governador, vamos revitalizar essas aldeias, levando dignidade e uma vida melhor aos seus moradores”, comemorou o deputado Geraldo Resende.

A fala do parlamentar foi na mesma linha adotada pelo presidente. “Governador, eu quero dizer que se você encontrar as terras para que a gente recupere a dignidade daquele povo, o Governo Federal será parceiro na compra e no cuidado para que eles voltem a viver dignamente. O que eles não podem é ficar na beira da estrada mendigando”, disse Lula.

Após a solenidade, o Deputado Geraldo Resende voltou a comentar sobre a proposta de compra de terras para assentar famílias indígenas de Dourados. “Na semana que vem, vou me dirigir ao Governo Federal, em Brasília, para começar a tentar viabilizar essa proposta o mais rápido possível. As nossas tratativas de levar unidades de saúde, construção de escolas e creches, ônibus escolar, água tratada e esgotamento sanitário, além de novas unidades habitacionais na região das aldeias também serão reforçadas através do meu gabinete. E aqui, em Campo Grande, farei gestão política junto ao governador para buscar essas terras em Dourados”, detalhou Geraldo Resende.

Cobranças no Palácio do Planalto

Na última quarta-feira, (10), o ministro da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, recebeu em audiência o deputado Geraldo Resende. O parlamentar havia cobrado celeridade do Governo Federal para resolver os problemas enfrentados pelos indígenas das aldeias jaguapiru e Bororó.

“O ministro havia se comprometido comigo no ano passado de viabilizar recursos do orçamento federal para implantação de água e esgotamento nas aldeias. Ao retornar ao Palácio, cobrei incisivamente essa e outras pendências que estão travadas nos ministérios, como a inauguração do primeiro SAMU indígena em Dourados, ônibus escolar, escolas para aldeias, UBS e outras melhorias que estão em trâmites e precisam avançar pela Esplanada dos Ministérios”, disse Geraldo Resende.

O ministro Alexandre Padilha chegou a gravar um vídeo ao lado do parlamentar sul-mato-grossense onde assegurou que todas as demandas trazidas pelo congressista seriam atendidas. “Desde o ano passado, o Deputado Geraldo Resende nos apresentou o pleito relacionado ao acesso à água potável pelos povos indígenas de Dourados. Pode ter certeza de que essa questão é também do presidente Lula, de poder assumir esse projeto dentro do PAC. Isso terá um impacto em toda a cidade”, finalizou.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Local de prova do concurso da Caixa está disponível para os candidatos
GERAL

Local de prova do concurso da Caixa está disponível para os candidatos

Artesãs da Reserva Indígena de Dourados passam por capacitação para vender produtos online
OPORTUNIDADE

Artesãs da Reserva Indígena de Dourados passam por capacitação para vender produtos online

JUSTIÇA

Governo gaúcho tem dez dias para explicar mudança em código ambiental

Chuvas já mataram 163 pessoas no Rio Grande do Sul
TRAGÉDIA 

Chuvas já mataram 163 pessoas no Rio Grande do Sul

Desafios para Saúde, Meio Ambiente e Planejamento Urbano
DOURADOS

Desafios para Saúde, Meio Ambiente e Planejamento Urbano

DOURADOS 

Homem é preso após furtar farmácia no Água Boa

TEMPO

Inmet divulga alerta de tempestade para Dourados e região

ESCÂNDALO NA FERDERAÇÃO

Alvo de operação foi visto chegando na Federação com maço de dinheiro

NOTA

Associação de Cronistas Esportivos de MS se manifesta após operação que prendeu presidente da FFMS

NOVIDADE

Dourados poderá ter corredor gastronômico na avenida Weimar Torres

Mais Lidas

R$ 37 MILHÕES

Empresa é contratada para prolongar avenida do Centro até parque público de Dourados

BR-463

Douradense é preso com drogas em carro de luxo

REGIÃO 

Empresários são detidos por desvio de energia elétrica após operação do SIG

ITAPORÃ

Funcionário de fazenda morre durante manutenção em silo