Menu
Busca quinta, 24 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Deputados devem apreciar nove matérias na Ordem do Dia desta quinta-feira

05 março 2020 - 09h12Por Da Redação

Os parlamentares da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS) devem votar nove matérias na Ordem do Dia desta quinta-feira (5). Em discussão única, estão pautados dois vetos e dois projetos de lei, entre eles o veto total ao Projeto de Lei 148/2019, de autoria do deputado Capitão Contar (PSL), que institui a Semana de Combate à Violência Obstétrica, no âmbito de Mato Grosso do Sul. A Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) foi favorável à rejeição do veto.

Também está prevista a votação do veto total ao Projeto de Lei 15/2019, de autoria do deputado Evander Vendramini (PP), que proíbe, em Mato Grosso do Sul, as instituições financeiras de ofertar ou celebrar qualquer tipo de contrato de operação de crédito com aposentados e pensionistas por meio de comunicação telefônica. O parecer da CCJR foi favorável à manutenção do veto.

O Projeto de Lei 321/2019, do deputado Marcio Fernandes (MDB), declara de Utilidade Pública o Rotary Club, com sede no município de Maracaju. Já o Projeto de Lei 324/2019, do deputado Barbosinha (DEM), denomina “Olga Castaoldi Parizotto” o Hospital Regional de Dourados. Ambas as propostas receberam parecer favorável por unanimidade da CCJR.

1ª Discussão

Outras cinco matérias devem ser votadas em primeira discussão, três delas com parecer favorável por unanimidade da CCJR: o Projeto de Resolução 135/2019, do deputado João Henrique (PL), que acrescenta a alínea i ao art. 79 da Resolução 65, de 17 de dezembro de 2008; o Projeto de Lei 312/2019, que institui a Semana Estadual de Incentivo à Atenção Fisioterapêutica e Terapêutica Ocupacional; e o Projeto de Lei 313/2019, que institui, no âmbito de Mato Grosso do Sul, o Dia Estadual dos Fisioterapeutas e Terapeutas Ocupacionais. As duas últimas matérias são de autoria do deputado Renato Câmara (MDB).

Com parecer favorável por maioria da CCJR à emenda substitutiva integral, segue para votação o Projeto de Lei 291/2019, do deputado Evander Vendramini, que institui a “Semana de Sensibilização à Perda Gestacional, Neonatal e Infantil”. Já o Projeto de Resolução 136/2019 aprova a apresentação à Câmara dos Deputados de Proposta de Emenda à Constituição Federal, para alterar o inciso LVII, do art. 5º, para determinar que ninguém será considerado culpado até a confirmação de sentença penal condenatória em segundo grau de recurso. A proposta de autoria do deputado João Henrique obteve parecer contrário por maioria da CCJR.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MARACAJU
Polícia apreende mais de 500 quilos de maconha em veículo abandonado
MS
Investigação aponta fazendas onde começou incêndio gigantesco no Pantanal
ANTÔNIO JOÃO
Casal é preso na região de fronteira com 126 quilos de cocaína
UEMS
Publicado Edital da Segunda Edição do Auxílio para Acesso à Internet
CAPITAL
Motorista que levou dois tiros foi atacado em local conhecido como "Buracão"
PARQUE
Ação conjunta vai resgatar animais silvestres na área atingida pelos incêndios
BONITO
Indígenas "fecham" unidade da Funai em protesto contra nomeação
TJ/MS
Justiça permite troca de sobrenome de infantes para homenagear avô
CAPITAL
Motorista é atingido por dois tiros durante tentativa de roubo a caminhão
COLÔMBIA
Sobrinho de Pablo Escobar acha R$ 99 milhões escondidos em parede

Mais Lidas

DOURADOS
Carro carregado com calhas capota após colisão e mulher fica ferida
PARANÁ
Traficante Elias Maluco é encontrado morto em presídio federal
PEDRO JUAN
Terror na fronteira: três veículos de luxo são incendiados em pontos distintos
PANDEMIA
Prefeitura e MPE entram em acordo para retorno das aulas presenciais na rede privada