Menu
Busca sábado, 26 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
SAÚDE

Com a presença do ministro Mandetta, encontro reúne 2,2 mil profissionais

13 fevereiro 2020 - 09h12Por Da Redação

Cerca de 2,2 mil pessoas, entre lideranças políticas como prefeitos, vereadores e profissionais da saúde participam, nos próximos dias 17 e 18 (segunda e terça-feira) do Encontro Estadual de Vigilância em Saúde. O evento acontecerá no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande, e contará com a presença do secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, e do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, com abertura programada para as 8 horas.

O Encontro é uma realização do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde, em parceria com o Ministério da Saúde. O objetivo é difundir conhecimentos e informações para a prevenção e o manejo das arboviroses e demais doenças infecto-contagiosas, como coronavírus, dengue, zika, chikungunya, febre amarela, tuberculose, hanseníase, sarampo, influenza, raiva, leishmaniose, entre outros.  

Haverá a participação de representantes dos 79 municípios do Estado, sendo 2.200 agentes de endemias/agentes comunitários de saúde, profissionais da saúde que atuam nas salas de vacina, coordenadores de atenção primária e vigilância em saúde, técnicos de zoonoses e outros servidores municipais e estaduais.

O evento contará com stands do Centro Integrado de Vigilância Toxicológica – CIVITOX, com seu acervo de animais peçonhentos para demonstração e orientação da população quanto aos riscos de cada animal; stand do controle de vetores, Wolbachia e o Túnel das Sensações, ação que tem como objetivo conscientizar a população quanto ao uso do preservativo e dos riscos das Infecções Sexualmente Transmissíveis por meio de um exercício de caráter dinâmico, sensitivo e lúdico, tendo em vista a proximidade do carnaval.

 Projeto Wolbachia

No dia 17, será assinado o Termo de Cooperação entre Ministério da Saúde, Secretaria de Estado de Saúde e Secretaria de Saúde de Campo Grande no Projeto Wolbachia, que terá sua biofábrica instalada na sede do LACEN (Laboratório Central) estadual. Haverá ainda a assinatura do Termo de Adesão do município de Campo Grande ao projeto estadual e-Visita Endemias, com distribuição (simbólica) de cinco aparelhos celulares para o monitoramento dos criadouros de mosquitos, sendo que, no total, Campo Grande receberá 600 aparelhos. 

Às 10h00, também no Centro de Convenções, haverá a entrega de 52 Monitores Multiparamétricos e 28 Desfibriladores/Cardioversores por parte do Ministério da Saúde à Secretaria Estadual de Saúde, os quais, na sequência, serão entregues aos municípios. O Estado também vai entregar outros equipamentos, como caixas cirúrgicas, beneficiando 52 cidades.

“Vamos realizar um evento que, certamente, será muito marcante para a saúde de nosso Estado. Seguindo determinação do governador Reinaldo Azambuja, buscamos, em parceria com o Ministério da Saúde e os municípios, fortalecer as ações de vigilância, potencializando a educação, prevenção e promoção da saúde”, salienta o secretário Geraldo Resende.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

MARACAJU
Menina procura a avó e diz que foi obrigada a ver filmes pornográficos
CRISE AMBIENTAL
Papa cita na ONU 'perigosa situação da Amazônia e dos indígenas'
TAQUARUSSU
Ambiental autua quatro em R$ 8,4 mil e apreende 139 quilos de pescado
UEMS
Abertas inscrições para seleção de docentes temporários na área de Letras
TRÁFICO
Casal morador em Ponta Porã é preso com maconha em Minas Gerais
SAÚDE
Setembro Verde: Central de Transplantes realiza live no próximo domingo
POLÍCIA
“Ordem do presídio”, diz ladrão de 17 anos que atirou em caminhoneiro
FUTEBOL
STJD indefere pedido e confirma Palmeiras e Flamengo para domingo
MEIO AMBIENTE
Polícia desmonta acampamento, apreende arma e munição e evita caça ilegal
RIO DE JANEIRO
Lava Jato denuncia Wassef e mais 4 por peculato e lavagem de dinheiro

Mais Lidas

POLÍCIA
Caminhoneiro de Dourados morre ao capotar na serra de Maracaju
PANDEMIA
Novo decreto diminui toque de recolher e libera venda de bebidas em bares até as 23h
PROSSEGUIR
Governo atualiza mapa da Covid e Dourados volta para "bandeira vermelha"
PONTA PORÃ
Polícia apreende comboio com contrabando avaliado em R$ 1 milhão