Menu
Busca sexta, 22 de outubro de 2021
(67) 99257-3397
RIO DE JANEIRO

Candidato a novo mandato, Crivella é declarado inelegível pelo TRE

24 setembro 2020 - 18h50Por G 1

O TRE/RJ (Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro) decidiu tornar o prefeito do Rio, Marcelo Crivella (Republicanos), inelegível por seis anos, por abuso de poder político e conduta vedada a agente público. A votação desta quinta-feira, dia 24 de setembro, foi por unanimidade, por 7 votos.

Na terça (22), o julgamento tinha sido interrompido com um placar de 6 a 0, quando o desembargador Vitor Marcelo Rodrigues havia pedido vistas para analisar o processo. Rodrigues argumentou ter tido pouco tempo para se inteirar sobre o julgamento – ele foi nomeado no TRE no último dia 31 pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

O prefeito foi condenado também a pagar multa de até R$ 106,4 mil. A decisão prevê a imediata comunicação ao Juízo Eleitoral responsável pelo registro das candidaturas, independentemente de recurso. A defesa do prefeito diz que ele vai recorrer e que estará apto para concorrer à reeleição.

Recém-nomeado advogado de defesa, Rodrigo Roca pediu uma questão de ordem no início da sessão, que não lhe foi concedida.

"O julgamento é nulo pelo cerceamento de defesa, já que o advogado não pôde usar a palavra nem mesmo pela ordem, como é da sua prerrogativa", afirmou.

O prefeito é candidato à reeleição e, segundo o Tribunal Regional Eleitoral, fica inelegível nesta eleição -- a menos que a situação seja revertida em alguma instância superior, como o Tribunal Superior Eleitoral ou o Supremo Tribunal Federal.

Fontes ouvidas pela GloboNews dizem que o prefeito pode obter uma medida cautelar em instâncias superiores, o que lhe daria direito a concorrer. A defesa diz que vai recorrer em e entende que ele está apto a participar do pleito.

Gustavo Sampaio, professor de Direito da UFF, explica a situação.

"Quando o Tribunal Regional Eleitoral de um estado, como o Rio de Janeiro, decreta inelegibilidade no âmbito de eleição estadual ou federal, cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral. Mas quando se trata de eleição municipal, a priori não cabe recurso. Então, ele só terá mesmo o recurso especial, que é o recurso que se destina ao controle de legalidade da decisão judicial do Tribunal Regional Eleitoral. A rigor esse recurso não suspende os efeitos da decisão, mas ele pode tentar uma medida cautelar, apresentando as suas justificativas, como a iminência do processo eleitoral, por exemplo, que já está aí se avizinhando, para pedir efeito suspensivo nesse recurso e, com isso, conservar a validade da inscrição dele de candidato a prefeito do Rio de Janeiro."

Caso da Comlurb

O novo advogado de Crivella, Rodrigo Roca, pediu ainda a suspeição do desembargador Gustavo Teixeira. Ele, segundo a defesa do prefeito, é advogado da Lamsa, concessionária da Linha Amarela que vive uma guerra jurídica com a Prefeitura. O pedido ainda não foi analisado.

A gestão de Crivella determinou a encampação da Linha Amarela e a redução da cobrança do pedágio.

A promotora Silvana Batini pediu que a certidão do julgamento seja feita em regime de urgência. O desembargador relator Cláudio Dell'Orto pediu também que os juízos eleitorais sejam comunicados imediatamente, inclusive os responsáveis pelo rejeito de candidaturas.

Evento na Comlurb levou à denúncia

A ação que pedia a inelegibilidade diz respeito a um evento da Comlurb em que Marcelo Hodge Crivella, filho de Crivella, foi apresentado como pré-candidato a deputado.

A reunião foi na quadra da Estácio de Sá com funcionários da companhia de limpeza urbana do município. O grupo foi levado em carros oficiais da empresa.

A ação foi movida pelo PSOL e pela Procuradoria Regional Eleitoral (PRE). Eles afirmam que:

veículos oficiais foram usados para transportar empregados da Comlurb na hora do expediente;

Crivella agradeceu ao presidente da Comlurb por ajudar seus candidatos;

candidato Alessandro Costa pediu votos ao filho do prefeito.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ao ver WhatsApp da filha, mãe descobre estupro de professor de 42 anos
Prepare uma deliciosa coxa de frango na cerveja preta para o fim de semana
COMER BEM
Prepare uma deliciosa coxa de frango na cerveja preta para o fim de semana
Gavião encontrado ferido em córrego é resgatado por policiais
REGIÃO
Gavião encontrado ferido em córrego é resgatado por policiais
Imunização contra a Covid-19 será no centro de vacinação neste sábado
VACINAÇÃO
Imunização contra a Covid-19 será no centro de vacinação neste sábado
Defesa Civil faz alerta e pede para pessoas ficarem em casa ao observar tempestade
DOURADOS
Defesa Civil faz alerta e pede para pessoas ficarem em casa ao observar tempestade
PANDEMIA
Mulheres são novas vítimas da Covid em Dourados e mortes pela doença chegam a 676
CLIMA
Inmet detalha riscos de tempestade e ventos de 100km/h em Dourados; veja tabela
ATIVIDADES
Instituto de Prevenção Dourados encerra Outubro Rosa com blitz educativa e carreata
JARDIM GUAICURUS
Durante investigações a roubo em motel, polícia fecha 'boca' no Jardim Guaicurus
REGIÃO
A caminho do trabalho, policial flagra indivíduos pulando muro de residência

Mais Lidas

TRÁFICO
Mortos em queda de helicóptero com cocaína na fronteira são identificados
REGIÃO
Duas pessoas morrem carbonizadas após queda de helicóptero carregado com cocaína
JARDIM MÁRCIA
Bandidos fazem "limpa" em motel de Dourados e levam até carro
JARDIM MÁRCIA
Bêbado colide carro contra muro e acidente deixa três feridos em Dourados