Menu
Busca terça, 31 de março de 2020
(67) 9860-3221

Câmara Setorial da Energia vai orientar política energética

09 dezembro 2003 - 17h42

O Mato Grosso do Sul tem agora um importante espaço para o debate da política energética do Estado. O governador Zeca do PT implantou oficialmente a Câmara Setorial de Energia (CSE), que vai funcionar como um órgão colegiado consultivo de orientação às decisões do governo sobre a política energética. A CSE foi instituída pelo decreto nº 11498, publicado hoje no Diário Oficial. A câmara será constituída de 12 membros titulares e outros 12 suplentes, que representam o governo do Estado, universidades e empresas do setor. O vice-governador e secretário Egon Krakhecke (Planejamento, Ciência e Tecnologia), que assina o decreto junto com o governador, explica que a CSE poderá emitir pareceres sobre questões energéticas, elaborar um banco de dados do setor e ainda ajudar o governo a definir as diretrizes para a elaboração de estudos que subsidiem a tomada de decisões."A oferta e a qualidade da energia disponível são condições fundamentais para o desenvolvimento e a câmara terá um papel importante ao ajudar na formulação da política energética", afirmou o vice-governador.Egon lembrou que a implantação da CSE coincide com o momento em que o Estado começa a elaborar a mais abrangente pesquisa de questões relacionadas à energia já realizado - o estudo da matriz energética, que é desenvolvido em parceria entre o governo do Estado, através da Seplanct, e a Petrobras.O estudo vai traçar um amplo diagnóstico da conjuntura energética do Estado - da geração à transmissão, passando pelo uso do gás natural e das fontes alternativas. "Conhecimento nesta área é fundamental para o planejamento das políticas públicas de desenvolvimento sustentável e a parceria com a Petrobras tem se mostrado extremamente profícua".

Deixe seu Comentário

Leia Também

INVESTIMENTO
No valor de R$ 1,3 milhão, edital auxilia artistas prejudicados com a pandemia do coronavírus
CORONAVÍRUS
Assembleia mantém atividades suspensas e prorroga prazo até 17 de abril
CORONAVÍRUS
Após primeira morte em MS, secretário reforça: "Fique em casa"
POLÍTICA
Após ganhar na Justiça e deixar PSL, DEM pode ser destino de Coronel David
COVID-19
Primeira vítima do coronavírus no Estado era fumante e fazia tratamento de saúde há quatro anos
ABASTECIMENTO
Na quarentena, Sanesul alerta para economia de água em MS
CORONAVÍRUS
Para evitar aglomeração, prazo de validade dos medicamentos é ampliado
BRASIL
Informalidade cai, mas atinge 38 milhões de trabalhadores
COVID-19
Primeiro óbito por coronavírus do Estado é registrado em Dourados
COMER BEM
Casa de Vó: delivery ou pegue e leve

Mais Lidas

FRONTEIRA
Acidente na MS-164 em Ponta Porã leva pai e filho a óbito
DOURADOS
Homem entra em veículo e anuncia assalto com arma de brinquedo; vídeo
DOURADOS
Homem leva surra de populares e é detido por furtar dois veículos em Dourados
NOTA PREMIADA
Lista de ganhadores já está disponível para consulta