quarta, 08 de dezembro de 2021
Dourados
35°max
21°min
Campo Grande
32°max
22°min
Três Lagoas
35°max
20°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
BRASIL

Barroso pede a candidatos que sigam alertas para evitar covid-19

29 outubro 2020 - 17h05Por Agência Brasil

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, reforçou o pedido para que candidatos, eleitores e membros dos Tribunais Regionais Eleitorais sigam todas as recomendações sanitárias a fim de evitar o contágio pelo novo coronavírus.

“Estamos pedindo a candidatos e à população [em geral] que sigam as recomendações sanitárias do Tribunal Superior Eleitoral, pois, seguindo-as, o risco de contaminação é mínimo. Não queremos que as eleições sejam um foco de pico da doença”, disse Barroso durante a sessão plenária da Corte, hoje (29).

Barroso afirmou que ligou para presidentes de Tribunais Regionais a fim de enfatizar a necessidade de cuidados durante a campanha eleitoral e no dia da eleição para a escolha dos futuros prefeitos e vereadores, marcada para o próximo dia 15.

“A boa notícia é que, confirmando a previsão dos médicos que prestaram consultoria ao TSE, o número de casos da covid-19 caiu expressivamente na quase totalidade dos estados brasileiros, mas o alerta importante é que a pandemia continua em curso e todos os cuidados devem ser mantidos pela população, pelos candidatos e eleitores”, comentou Barroso.

“Deve-se evitar aglomerações, só fazer as reuniões quando necessário e em ambientes abertos, guardando a distância social de ao menos 1 metro, se possível 2 metros. E sempre usando máscara”, acrescentou o ministro.

Até ontem (28), o país totalizava pouco mais de 5,4 milhões de casos confirmados do novo coronavírus, cujo primeiro caso, no Brasil, foi confirmado pelo Ministério da Saúde no fim de fevereiro deste ano. Desde então, 158.456 pessoas morreram em decorrência das complicações da doença. Entre a terça-feira (27) e ontem, o Ministério da Saúde confirmou 28.629 novos casos confirmados e 510 mortes.

Cuidados

A partir das recomendações da Organização Mundial da Saúde e de algumas das principais instituições sanitárias do Brasil, o TSE elaborou um plano de segurança para o período eleitoral. Há orientações para os eleitores, como o uso de máscara facial durante todo o tempo em que o candidato permanecer fora de casa – o ingresso na seção eleitoral só será permitido para quem estiver usando máscara.

O tribunal também recomenda que, sempre que possível, o eleitor vá sozinho ao seu local de votação. E que leve consigo uma caneta pessoal para assinar o caderno de votação e que higienizem as mãos com álcool gel antes e depois de digitar seu voto na urna eletrônica.

A principal mudança imposta pela crise sanitária, no entanto, será o fato de que as pessoas terão uma hora a mais para votar, pois as seções eleitorais abrirão às 7h, e não às 8h, como de costume. O encerramento às 17 horas foi mantido, mas das 7h às 10h votarão, preferencialmente, eleitores com mais de 60 anos.

Todas as seções eleitorais deverão estar abastecidas com álcool em gel, para que os eleitores e quem estiver trabalhando no dia da votação possam limpar suas mãos. Além disso, os mesários deverão verificar os documentos do eleitor à distância. Só em caso de dúvidas deverão solicitar à pessoa que, mantida uma distância segura, abaixe sua máscara. Os mesários receberão máscaras cirúrgicas para serem trocadas a cada quatro horas, protetores faciais (face shields) e frascos de álcool em gel individuais.

De acordo com o TSE, os equipamentos de proteção, produtos e serviços foram doados por empresas e instituições privadas de diversos setores, parceiras da Justiça Eleitoral na garantia da proteção de todos os envolvidos nas Eleições de 2020.

Deixe seu Comentário

Leia Também

STF valida decisão que suspende despejos até março de 2022
MEDIDA

STF valida decisão que suspende despejos até março de 2022

Conselho do FCO aprova R$ 2,3 bilhões em financiamentos para MS em 2022
ECONOMIA

Conselho do FCO aprova R$ 2,3 bilhões em financiamentos para MS em 2022

Com apoio de Barbosinha projeto que cria Polícia Penal em MS é aprovado na Assembleia
MS

Com apoio de Barbosinha projeto que cria Polícia Penal em MS é aprovado na Assembleia

ECONOMIA

AEB projeta queda das exportações e do superávit da balança em 2022

Polícia flagra autor de furto e grupo por receptação
RIO VERDE DE MT

Polícia flagra autor de furto e grupo por receptação

ACIDENTE

Homem morre e mulher fica ferida após caminhonete ser prensada entre caminhões na BR-158

IMUNIZAÇÃO

Covid-19: mais 1,4 milhão de doses da Janssen chegam hoje ao Brasil

RESERVA INDÍGENA

Polícia apura que jovem desaparecida em Dourados pode ter sido morta a facadas

CAPITAL

Jovem é atacado a facadas em casa e morre

MEDIDA

Aprovada PEC que cria a Polícia Penal em Mato Grosso do Sul

Mais Lidas

OPERAÇÃO GEMINUS

Dono de transportadora de Dourados é preso em Operação que investiga tráfico de cocaína

REGIÃO

Douradense se afoga em balneário de Fátima do Sul

RIO DOURADOS

Bombeiros localizam corpo de douradense que se afogou em Fátima do Sul

OPERAÇÃO GEMINUS

PF cumpre 11 mandados em Dourados contra esquema de tráfico internacional de drogas