Menu
Busca sexta, 30 de julho de 2021
(67) 99257-3397

Pfizer analisará seu remédio contra artite Celebrex

18 outubro 2004 - 16h59

A empresa farmacêutica Pfizer anunciou hoje que patrocinará um amplo estudo para avaliar se seu remédio contra a artrite, Celebrex, apresenta riscos cardiovasculares, depois dos problemas apresentados pelo produto concorrente Vioxx, retirado do mercado. O Celebrex é usado para aliviar a dor dos que sofrem de artrite e está disponível para venda em 60 países, mas não no Brasil. O estudo, que será realizado por universidades e hospitais em todo o mundo, deve começar no começo de 2005, segundo um comunicado da empresa, que se diz confiante em seu produto. Cerca de quatro mil pessoas que tiveram ataques cardíacos recentes e têm um histórico médico de artrite participarão. O anúncio do estudo é feito dias depois que a companhia Merck anunciou a retirada do mercado de seu produto contra artrite, o Vioxx, já que uma pesquisa mostrou que aumentava o risco de um ataque cardíaco em pacientes que o usavam por mais de 18 meses. A retirada do mercado do Vioxx gerou dúvidas sobre remédios de criação recente e fez a Pfizer revisar dados sobre outro remédio seu, o Brextra. Na sexta-feira passada, a Pfizer informou que revisou seus dados clínicos com oito mil pacientes e não encontrou risco de incidentes cardíacos nos que usavam esse remédio. No entanto, a empresa informou que dois pequenos testes clínicos mostraram que pacientes que tinham recebido pontes coronárias e tomavam o Bextra tinham um maior risco de sofrer complicações cardíacas. Além disso, advertiu que o Bextra pode causar uma rara reação alérgica, conhecida como "síndrome Stevens-Johnson", e que em casos extremos pode causar a morte. As notícias sobre o Bextra fizeram temer que se abandone o projeto de uma versão intravenosa atualmente em pesquisa.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Corpo de homem sequestrado em Ponta Porã é encontrado esquartejado
FRONTEIRA
Corpo de homem sequestrado em Ponta Porã é encontrado esquartejado
BRASIL
Após reação do STF, Bolsonaro defende ações do governo na pandemia
Tatuagem ajudou identificar vítima fatal de acidente entre carro e carreta
ÁGUA CLARA
Tatuagem ajudou identificar vítima fatal de acidente entre carro e carreta
EMPREGO
Governo convoca candidatos aprovados em quatro processos seletivos
Veículo é apreendido na BR-158 com 300 celulares e outros contrabandos
APARECIDA DO TABOADO
Veículo é apreendido na BR-158 com 300 celulares e outros contrabandos
MÚSICO PRESO
Gilmar Mendes rejeita liberdade para DJ Ivis, indiciado por agredir a ex
Oito pessoas da mesma família são presas em operação contra o PCC
ASTRONOMIA
Chuvas de meteoros podem ser avistadas nas próximas madrugadas
AQUIDAUANA
Caçadores são presos e multados por caça e abate de porcos silvestres 
ELEIÇÕES
Discurso de fraude é de quem não aceita a democracia, diz ministro do STF

Mais Lidas

DOURADOS
Acidente no Centro deixa motociclista com fratura na perna e motorista foge
DOURADOS
Drogas e submetralhadora são apreendidos no Idelfonso Pedroso
FRONTEIRA
Casal é executado por "justiceiros" enquanto comemorava aniversário
DOURADOS
Justiça converte em preventiva prisão de jovem que matou adolescente atropelado