Menu
Busca quarta, 14 de abril de 2021
(67) 99257-3397

PF apreende ecstasy, cocaína e maconha na Capital

20 setembro 2005 - 11h52

No final da noite de ontem a Policia Federal de Campo Grande prendeu duas pessoas envolvidas no tráfico de ecstasy e cocaína.Em face de denúncia anônima informando que uma jovem iria transportar cocaína de Campo Grande para outra localidade, a PF procedeu a investigações que culminaram na prisão de Simone Queiroz, 22 anos, garota de programa, residente no bairro Nova Lima na capital e Marineide Dias da Silva, 26 anos, residente no bairro Coophavila, também na Capital. Simone dirigiu-se no final da tarde ao bairro Coophavila utilizando um moto-táxi, estacionando com o mesmo em um ponto de ônibus. Pouco tempo depois, uma moça, posteriormente identificada como sendo uma menor de 17 anos, chegou em uma bicicleta ao local e entregou a Simone uma sacola. Na abordagem os federais encontraram dentro da sacola, em uma pequena bolsa preta, ocultados sob um fundo falso, 702 comprimidos de ecstasy e 618 gramas de cocaína pura.A menor apontou Marineide como sendo a pessoa que mandou entregar a bolsa com a droga para Simone. Com base nas informações prestadas pela menor, federais dirigiram-se até a residência de Marineide no bairro Coophavila e, chegando ao local, além do forte odor característico de cocaína, encontraram sacos plásticos transparentes e papelão, sendo que uma das faces era laminada, material utilizado para embalar a droga encontrada com Simone. Foram encontrados ainda na residência de Marineide diversos aparelhos celulares da marca Samsung, modelo Slim, usualmente utilizado para clonagem de linhas telefônicas.Simone relatou que acertou tudo com o marido de Marineide, que atualmente cumpre pena no Instituo Penal de Campo Grande, por tráfico de drogas, e que receberia R$ 1.000 para levar o entorpecente até Belo Horizonte/MG, cujas passagens ela havia comprado na tarde de ontem. Simone relatou ainda não ser a primeira vez que faz este tipo de “serviço” para o marido de Marineide.Marineide afirmou que a menor estava em sua casa apenas prestando serviços domésticos. A menor foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil especializada.As presas foram autuadas em flagrante, incursas na Lei de Tóxicos, que prevê pena que varia de 03 a 15 anos de reclusão.Ainda ontem, por volta das 20 horas, Policiais Federais realizavam barreira de rotina na saída de Campo Grande para Cuiabá, quando abordaram um ônibus de viagens, com destino a Coxim, e ao subirem no ônibus para fiscalização, notaram excessivo nervosismo da passageira posteriormente identificada como Cleide Ana dos Santos, 31 anos, residente no bairro Morada Verde na Capital. Em revista pessoal à passageira, constatou-se que a mesma levava consigo, ocultados nos órgãos genitais, dois pacotes contendo cocaína. Ainda, diante de informações de outros passageiros relatando que Cleide assim que entrou no ônibus dirigiu-se ao banheiro, fez com que os Federais realizassem vistoria no local, encontrando no cesto de lixo, coberto por uma saia, um tablete de maconha.Cleide afirmou que, a pedido de seu irmão, levaria a droga para a cidade de Rio Verde/MS e que receberia para tanto a quantia de R$ 140,00. No total foram apreendidos 297 gramas de maconha e 109,6 gramas de cocaína.Cleide foi conduzida até a Superintendência da Polícia Federal da Capital, onde foi autuada em flagrante, incursa na Lei de Tóxicos, que prevê pena que varia de 03 a 15 anos de reclusão. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PONTA PORÃ
Ladrões fingem fazer revisão em cerca elétrica e assaltam casal de idosos
BRASIL
Senado aprova prorrogação da situação de emergência de saúde no país
Máquina agrícola atinge caminhonete, carro e só para após tombar
GLÓRIA DE DOURADOS
Máquina agrícola atinge caminhonete, carro e só para após tombar
TRÂNSITO
Nova Lei proíbe o transporte de menores de 10 anos em motocicletas
Celular "bombando" entrega traficante, que é preso com cocaína
VACINA
Ministério da Saúde divulga lista, por estado, de quem não tomou segunda dose
MEIO AMBIENTE
Dono de chácara é multado em R$ 5 mil por construir tanques de piscicultura
COXIM
MP denuncia ex-prefeito, ex-secretários e empresários por associação criminosa
CAPITAL
Após espancar, homem ameaça colocar fogo em casa com a ex dentro
BRASIL
Câmara aprova projeto que prorroga entrega do IR até 31 de julho

Mais Lidas

RIO BRILHANTE
Soldado da Polícia Militar é encontrado morto no interior de residência
IZIDRO PEDROSO
Estado doará terrenos e busca parceria para construir casas populares em Dourados
DOURADOS
Homem encontrado morto pode ter envolvimento em esquema de agiotagem internacional
CASA PRÓPRIA
Prefeitura abre recadastramento habitacional em Dourados