sexta, 21 de janeiro de 2022
Dourados
38°max
23°min
Campo Grande
35°max
22°min
Três Lagoas
37°max
23°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Pesca durante a piracema pode gerar até três anos de prisão

01 novembro 2003 - 12h49

A piracema começa na próxima segunda-feira, dia 3 de novembro nos rios de Mato Grosso do Sul e quem for flagrado pescando, a partir desta data, poderá responder pelo crime na justiça pegando um a três anos de detenção. Além de ser presa, a pessoa pode também receber uma multa que varia de R$ 700,00 a R$ 100 mil reais, além de R$ 10,00 por quilo de pescado irregular. A pesca ficará proibida de 3 de novembro a 31 de janeiro de 2004 nos rios do Estado, ficando impedida nas cabeceiras dos rios até 28 de fevereiro. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Motorista morto em acidente na BR-163 ficou preso sob o caminhão
SÃO GABRIEL

Motorista morto em acidente na BR-163 ficou preso sob o caminhão

GERAL

Vacinação infantil irregular terá consequências, diz ministro

Erradicação de plantações de maconha no Paraguai batem recorde 

Erradicação de plantações de maconha no Paraguai batem recorde 

EX-MINISTRO

MP questiona liberação de madeira apreendida em operação contra Salles

Tenente da PM é encontrado morto em quarto de hotel na Capital
REGIÃO

Tenente da PM é encontrado morto em quarto de hotel na Capital

CONCURSO

Divulgadas inscrições deferidas e indeferidas em seleção da SES/Agepen

Briga entre médico e gerente de UPA vai parar na delegacia

FUTEBOL

Fifa limita empréstimos de jogadores já a partir da próxima temporada

TRÁFICO

Bolivianos são presos com cocaína em frascos de desodorantes

FRONTEIRA

Operação Padrão dos fiscais da Receita provoca fila de 500 caminhões

Mais Lidas

REGIÃO

Jovem acusado de assassinar diretor de escola em 2012 troca tiros com a polícia e morre

REGIÃO

Trabalhador morre após sofrer descarga elétrica na BR-463

FRONTEIRA

Líder do PCC que tinha fugido de presídio do Brasil, é preso junto a comparsas no Paraguai

FRONTEIRA

Ostentação levou polícia até professor que faturava alto para guardar drogas