Menu
Busca quarta, 27 de outubro de 2021
(67) 99257-3397

Perícia: Isabella foi agredida e asfixiada antes de morrer

08 abril 2008 - 05h30

Peritos da Polícia Civil de São Paulo concluíram que a menina Isabella Nardoni, de 5 anos, foi espancada e asfixiada dentro do apartamento, antes de ser jogada pela janela do sexto andar na noite de sábado (29). Os peritos não encontraram sangue fora do apartamento: as análises apontaram que marcas na porta da residência, na maçaneta e no banco traseiro do carro de Alexandre Nardoni não são de sangue.

As provas períciais, por enquanto, dão as seguintes pistas: o assassino, ainda não identificado, teria agredido e esganado a menina com as mãos dentro do apartamento, antes do último ato de brutalidade. Ontem, nove dias depois do crime, peritos voltaram ao apartamento. Eles querem esclarecer como e onde o assassino machucou a testa da menina. Essa é uma das dúvidas que cercam a morte, entretanto não foram achadas marcas de sangue em nenhuma quina de móvel dentro da casa.

Na primeira perícia foi encontrado sangue no apartamento. Não se sabe de quem é, mas é certo que havia pingos em vários pontos: no chão do hall de entrada, em frente à porta da cozinha e no corredor que dá acesso aos três quartos. Os peritos observaram que, pelo tipo de mancha, a vítima estava a cerca de um metro do chão. Marcas de sangue foram encontradas também no lado externo da porta do quarto de Isabella; no lençol de uma das camas do quarto dos irmãos de Isabella, junto a uma pegada de sapato de pessoa adulta; na cama ao lado da parede e nas bordas do buraco feito na rede de proteção da janela.

Com base nas provas técnicas os peritos concluíram: o assassino de Isabella de fato arremessou a menina pelo buraco da rede. No momento da queda, ela estava desmaiada. Segundo a perícia, Isabella foi jogada de cabeça para baixo, tanto que as marcas das mãos dela ficaram logo abaixo da janela, na fachada do prédio

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Homem morre depois de se engasgar com pedaço de carne
BRASIL
Senado aprova projeto que pune ofensa à vítima durante julgamento
NOVA ANDRADINA
Com parente internado, família deposita R$ 15 mil para falso médico
TJ/MS aposenta desembargadora por ter beneficiado filho preso
JUSTIÇA
TJ/MS aposenta desembargadora por ter beneficiado filho preso
CAPITAL
Dois dias após se envolver em acidente, grávida dá à luz a bebê morto
EDUCAÇÃO
UEMS está com 177 vagas abertas em 8 mestrados e 2 doutorados
FRONTEIRA
Polícia apreendem sete toneladas de maconha em carga de feno
DEFESO
PMA alerta: Regras para pesca responsável estão mantidas no feriado
COSTA RICA
Empresário é preso ao avançar sinallização, atropelar adolescente e fugir
GERAL
Ecopontos não vão funcionar no feriado do dia 02 de novembro

Mais Lidas

DOURADOS
Namorada posta 'status' de jovem com arma, polícia rastreia carro e prende rapaz
LAGUNA CARAPÃ
Motorista morre prensado ao tombar caminhão na MS-379
DOURADOS
Três vias de Dourados passam a ser "mão única"
DOURADOS
Jovem formou consórcio com amigos para comprar e usar ecstasy em festas