Menu
Busca quarta, 12 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Paysandu de virada vence o Corinthians: 2 a 1

18 agosto 2004 - 23h24

O Corinthians foi até Belém do Pará e perdeu uma invencibilidade de seis jogos ao perder para o Paysandu por 2 a 1, nesta quarta-feira à noite no jogo válido pela 25ª rodada. Fábio Baiano abriu o placar para o Timão, que sofreu a virada nos dez minutos finais da partida. Marcaram para o Papão da Curuzu Hernani e Zé Augusto. Foi a primeira derrota do Corinthians para o Paysandu em 14 jogos disputados na história. Antes da derrota, foram oito vitórias corintianas e três empates. Com a derrota, o Corinthians, que trilhava um caminho segmentado para alcançar os líderes, estaciona nos 36 pontos e cai para a nona posição na tabela, ficando nove pontos atrás do líder Palmeiras, que tem 46 pontos. Já o Paysandu, que conquistou sua sexta vitória na competição, chegou aos 20 pontos e deixou a zona de rebaixamento. Na próxima rodada do Brasileirão, o Corinthians enfrenta o Grêmio no sábado, às 16h, no estádio do Pacaembu. O Paysandu deixa a sua casa e pega o Atlético-PR, no domingo às 16h, na Arena da Baixada. O primeiro tempo mostrou um Corinthians muito mais disposto na partida, partindo para cima do Paysandu, mas sem criar chances perigosas contra a meta paraense. A chance mais perigosa veio em uma bela jogada do meio-campo e ataque corintiano, que resultou no primeiro gol corintiano da partida, com Fábio Baiano, já no final do primeiro tempo.Logo aos dois minutos, depois uma saída atrapalhada de Fábio Costa, a bola sobrou para Sandro, que do meio do campo arriscou e quase faz um lindo gol de cobertura, mas a bola bateu na rede por cima do gol. Três minutos depois, nova chance para o time paraense. Depois de confusão na grande área, a bola sobrou para Alexandre, que soltou a bomba. A bola passou perto da trave corintiana e assustou Fábio Costa. Aos sete, Fábio Baiano cobrou de forma perfeita falta da esquerda e colocou na cabeça de Marcelo Ramos. Sozinho e de frente para o gol, o atacante cabeceou para o chão, mas para fora. Depois da boa chance de Marcelo Ramos, tanto Corinthians quando Paysandu pouco atacaram, nas poucas vezes que chegaram, a linha de fundo era o destino mais comum das finalizações. Apesar das poucas chances, o Corinthians era mais organizado em campo e partia para cim do Paysandu. Aos 22 minutos, Wendel fez boa jogada pela direita, tirou dois jogadores do Paysandu e ficou cara a cara com o goleiro Paulo Musse. Mas na hora do chute, o volante acertou mais grama do que bola. O goleiro paraense fez fácil defesa. Cinco minutos depois, Fábio Baiano cobrou escanteio da direita, Anderson ajeitou para Wendel, que pressionado pela zaga, chutou fraco para defesa tranqüila de Paulo Musse. No minuto seguinte, Alessandro fez boa jogada pela direita, driblou dois jogadores, mas chutou para fora. Aos 31 minutos, Alexandre recebeu boa bola no meio, projetou-se e arriscou de fora da área. A bola saiu forte, mas para fora do gol, sem problemas para Fábio Costa. Aos 39, Alonso cobrou falta da esquerda e o lateral-direito Maurinho cabeceou forte, mas para fora do gol, sem perigo para Fábio Costa.Aos 42 minutos, o Timão abriu o placar no Mangueirão. Em jogada bem tramada do meio-campo e ataque corintiano, Fabinho cruzou para Marcelo Ramos, que rolou para Edson. O lateral-direito tocou para Alessandro Cambalhota, que só rolou para Fábio Baiano soltar a bomba no canto direito de Paulo Musse e balançar a rede. Foi o primeiro gol do meia pelo Corinthians, mas o segundo dele no campeonato. Seu primeiro gol foi pelo São Caetano, ainda no primeiro turno do Brasileirão. O segundo tempo mudou de cara com o Corinthians mais preocupado em se defender e explorar os contra-ataques do que ampliar o placar. O castigo veio nos minutos finais, quando Jô perdeu um gol feito e Zé Augusto virou o placar aos 44 minutos. Aos dois minutos, Fábio Baiano recebeu bola de Alessandro na esquerda e chutou fraco. Paulo Musse fez fácil defesa. Essa foi a única chance do Corinthians nos primeiros 15 minutos, quando o Paysandu mostrou muita disposição e contou com um Fábio Costa estranhamente nervoso. No entanto, somente aos 28 minutos que o Paysandu voltou a rondar o gol corintiano de forma perigosa. Em tabela rápida pela esquerda, Alonso chutou, mas para fora. Dois minutos depois, Maurinho fez jogada pela direita e cruzou para trás. Alexandre chutou forte e Fábio Costa fez a defesa no canto esquerdo do gol. Aos 33 minutos, em contra-ataque rápido, Rosinei disparou pela esquerda e do bico da grande área chutou de curva. Paulo Musse fez defesa tranqüila. penas três minutos depois, o Papão da Curuzu empatou a partida. Alonso rolou para Hernani, que soltou a bomba de fora da área para igualar a partida.Festa em Belém. Aos 39 minutos, Jô perdeu o gol mais feito do jogo. Rosinei recebeu belo passe no meio da área, tirou do goleiro e tocou limpa para Jô. O atacante corintiano ficou a três metros do gol, sem goleiro e chutou por cima. O castigo veio aos 44 minutos, quando Bebeto Campos chutou de muito longe, após cobrança de falta, e Zé Augusto desviou de cabeça para virar a partida e fechar o placar no Mangueirão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASILÂNDIA
Jovem de 23 anos destrói recepção de hospital durante surto
BRASÍLIA
Secretário Mario Frias é submetido a cateterismo de emergência
TRÊS LAGOAS
Homem que matou cantor a tiros em tabacaria é condenado a 46 anos
BRASIL
Câmara aprova projeto que pode restringir atuação da oposição
Homem contrai dívida de R$ 32 mil ao fazer portabilidade de empréstimo
BENEFÍCIO
Cultura prorroga prazo para entrega de documentação do FIC
POLÍCIA
Condutor de lancha envolvida em acidente com morte presta depoimento
EDUCAÇÃO
Metas do Inep para o ano não incluem aplicação do Enem 2021
IVINHEMA
Três dias depois de ser envenenada pela mãe, criança recebe alta
FERIADO
Comarca de Angélica não terá expediente amanhã e sexta-feira

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
INDÁPOLIS
'Frio' e com roupa ainda suja de sangue, assassino de tio não mostrou arrependimento ao ser preso
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
PANDEMIA
Novo decreto mantém toque de recolher às 21h e autoriza abertura de cinema em Dourados