Menu
Busca domingo, 05 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Traçar metas facilita ter uma vida mais saudável, diz nutricionista

28 janeiro 2013 - 11h07

Se nos últimos dias você subiu na balança e percebeu ter ganhado alguns quilinhos, não se preocupe, porque provavelmente não é o único. Com as festas de final de ano a maioria das pessoas deixam as dietas de lado e abandonam as academias. Combinação perfeita para o ganho de peso. Para reverter este quadro a nutricionista Kátia Wolf recomenta uma de mudança de hábito.

“Após o exagero cometido durante o final de ano é importante começar estipular metas, mudar os hábitos alimentares, mudar o estilo de vida, dormir de 7 a 8 horas por noite, ter horário de trabalho, de lazer, e tentar ao máximo escolher dentro do possível aqueles alimentos que são mais saudáveis. Que são as frutas, as verduras, pães integrais e deixar de lado os alimentos industrializados, fast-foods, cachorro-quente, lanches, salgados fritos e refrigerantes”, aconselha Kátia.

Segundo a nutricionista, antes de qualquer atitude é necessário se conscientizar da mudança, “estipular isso como meta e traçar objetivos. Se eu não bebo água vou passar a beber de oito a dez copos por dia, se eu não tinha horários fixos para fazer as refeições, agora preciso ter”. Ela lembra que para uma dieta saudável é preciso pelo menos três refeições principais – café da manhã, almoço e jantar – além dos lanchinhos entre essas refeições.

Kátia Wolf é coordenadora do Núcleo de Nutrição da Unigran, por isso também destaca a alimentação dos universitários, que nem sempre é correta. “Muitos acadêmicos vêm para Dourados para morar sozinho. Essas pessoas precisam estipular um horário para fazer as refeições de acordo com o cronograma da faculdade. Então se tiver uma hora e meia de almoço vai ter que planejar deixando a salada lavada na noite anterior ou, por exemplo, se tiver mais tempo de noite, fazer a janta para sobrar para o almoço. É se programar”.
A coordenadora dá uma dica importante para evitar o desperdício: “lembrando que é pouca quantidade, se veio morar sozinho, vai comprar apenas algumas frutas, não vai chegar no mercado e comprar um quilo de banana. Apenas três bananas, três maçãs, um mamão, pequenas quantidades, que dê apenas para uma semana”.

Para os universitários que viajam diariamente para estudar, a nutricionista sugere que comam antes ir para a faculdade. “Os que estudam de manhã acordam mais cedo, então eles terão que tomar o café da manhã em casa, porque daí pode tomar o leite, comer o pão e uma fruta. Já os que estudam de noite normalmente chegam em casa muito tarde, então é preferível que jante em casa antes de pegar o ônibus”.

O acompanhamento de especialistas facilita na mudança desses hábitos, por isso o Núcleo de Nutrição da Unigran oferece a toda comunidade um atendimento individualizado e específico para cada paciente. Se você tem interesse de mudar de hábitos e garantir que em 2013 sua vida será mais saudável procure o Núcleo e agende uma consulta. Neste ano os atendimentos também acontecerão no período da manhã. Agende a consulta pelo telefone 3411-4214.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESPORTES
Saiba como se exercitar em casa durante a quarentena
RESTRIÇÕES
Comércio da capital volta a funcionar na segunda-feira
BRASIL
Rio terá turnos de trabalho para não lotar transporte público
PREVENÇÃO
Direção Viva alerta sobre importância de higienizar veículos automotores como prevenção contra o Coronavírus
STF
Ministro julga inviável ação do PDT contra suspensão de prazos do Enem 2020
CULTURA
CCBB Educativo disponibiliza acervo digital de arte-educação
BRASIL
Combate à pandemia mobiliza voluntários em diversas frentes
COVID-19
Barreiras sanitárias abordaram 13,6 mil pessoas em MS
MUNDO
Papa inicia Semana Santa com celebração sem presença de fiéis
COVID-19
Gerente técnico de medicamentos da Vigilância Sanitária alerta sobre riscos da automedicação

Mais Lidas

CORONAVÍRUS
Dourados registra mais dois casos de Covid-19 e MS tem 60 confirmações
ISOLAMENTO
Em 24 horas, apenas uma cidade de MS aparece vermelha no monitoramento do Governo
CORONAVÍRUS
Durante fiscalização, Guarda prende nove pessoas e notifica 60 comércios em Dourados
SUMIÇO
Família procura por jovem que está desaparecida desde a última quarta-feira