Menu
Busca sábado, 15 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Panamá recebe ajuda internacional por desastre causado por chuvas

19 setembro 2004 - 22h08

O Panamá começou a receber ajuda internacional para enfrentar o desastre causado pelas chuvas que deixaram pelo menos 10 mortos e mais de 11 mil atingidos na última sexta-feira, informaram neste domingo fontes oficiais e diplomáticas. O presidente panamenho, Martín Torrijos, disse em entrevista coletiva que, apesar das dificuldades financeiras, seu governo está atendendo às necessidades imediatas dos atingidos e depois avaliará o impacto econômico do desastre. Funcionários da chancelaria panamenha e representantes de organismos internacionais fizeram hoje uma segunda reunião, depois da primeira realizada no sábado, para definir mecanismos de assistência humanitária. "Foi feito um apelo a todos os organismos internacionais para que ajudem o país", declarou à "RCM Televisión" o primeiro vice-presidente e chanceler panamenho, Samuel Lewis Navarro.A chancelaria informou em nota de imprensa que estão sendo analisadas com esses organismos as necessidades de assistência médica, abastecimento de remédios, alimentos, móveis e utensílios, trabalhos de busca e resgate, evacuação de pessoas em risco, e reconstrução de comunidades. Entre esses organismos estão o Programa Mundial de Alimentos (PMA), o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), a Organização Pan-americana da Saúde (OPS), o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e a Federação Internacional de Sociedades da Cruz Vermelha e o Crescente Vermelho. Lewis Navarro acrescentou ainda que equipes de resgate de diferentes países estão começando a ajudar na busca de desaparecidos, que são cinco, segundo um relatório oficial divulgado hoje. A embaixadora dos EUA no Panamá, Linda Watt, informou à imprensa que seu país doou 50 mil dólares e enviou especialistas em desastres naturais para colaborar com as autoridades locais. O governo panamenho, através da Coordenadoria de Emergência Nacional, mantém em 10 o número oficial de mortos, embora a imprensa local tenha publicado hoje que são entre 10 e 13. Pelo menos seis desaparecidos foram encontrados vivos, enquanto continua a busca de cinco, indicou o governador da província do Panamá, Erich Rodríguez, ao apresentar seu relatório à imprensa. Ele acrescentou que 11.276 pessoas foram atingidas e 108 casas destruídas, além de 2.372 residências terem sofrido danos. O presidente Torrijos, que assumiu a presidência panamenha no último dia 1º e no sábado passado declarou estado de emergência pelo desastre, revisou hoje a situação em Conselho de Gabinete e depois supervisionou as operações de ajuda. Ele enfatizou que dará prioridade à ajuda humanitária para os afetados e à busca pelos desaparecidos. Depois disso serão analisadas as necessidades financeiras e as tarefas como reconstrução de casas, acrescentou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Homem morre após bater motocicleta na traseira de caminhonete
Dourados vai receber recursos para ampliação de esgotamento sanitário
SAÚDE
Dourados vai receber recursos para ampliação de esgotamento sanitário
BATAGUASSU
Ex-marido descarrega revólver contra mulher que fica em estado grave
EDUCAÇÃO
Professores desenvolvem projeto que busca integrar Escola e Universidade
Jovem de 21 anos é autuada por incêndio em vegetação e resíduos
Jovem de 21 anos é autuada por incêndio em vegetação e resíduos
SAÚDE
Anvisa autoriza produto à base de cannabis em projeto com a Fiocruz
POLÍCIA
Suspeito de assassinar artista plástica em Campo Grande é morto pela polícia
Governo libera R$ 2,61 bilhões para as universidades federais
AQUIDAUANA
Quadrilha especializada em abigeato é presa enquanto dividia carcaça de vaca
REGIÃO
Barbosinha ressalta trabalho de Tereza Cristina ao prestigiar entrega de títulos

Mais Lidas

CORONAVÍRUS
Murilo Zauith passa por reabilitação e segue internado em SP
TRÁFICO DE DROGAS
Chefe do 'Comando Vermelho' e foragido há seis meses é preso em Dourados
DOURADOS
Criança encontrada morta apresentou problemas estomacais uma semana antes
CACHOEIRINHA
Polícia fecha ponto de distribuição de drogas e prende abastecedor