Menu
Busca quinta, 06 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Palmeiras contrata cachorro por R$ 3 mil e cria ciúmes

26 janeiro 2011 - 17h36

A revelação de que o Palmeiras contratou um cachorro por R$ 3 mil para tomar conta dos troféus do clube já provoca ciúme em funcionários que ganham menos no clube.
Além de se tornar o principal assunto da última reunião do Conselho de Orientação Fiscal palmeirense, conselheiros querem saber como os gastos com o cão atingem tal valor. Os troféus foram levados para a Vila Madalena por causa das obras da Arena Palestra.

BASTIDORES

Ainda de acordo com o texto, com atuação na administração do futebol da equipe na época da Parmalat, Marcos Bagatela foi resgatado pela nova administração do Palmeiras. Ele cuidará a partir de agora do financeiro do clube.

E, na contramão de cartolas mais morosos da nova direção palmeirense, o vice Edvaldo Frasson, no comando da área administrativa, já promove mudanças.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Homem é preso com caminhonete e pistola na MS-164 logo após assalto
POLÍTICA
Senado Federal aprova penas mais duras contra crimes cibernéticos
APARECIDA DO TABOADO
Homem é esfaqueado ao tentar impedir mulher de sair para comprar drogas
IMUNIZANTE
Mais 628 mil vacinas da Pfizer chegam ao Brasil nesta quarta-feira
RIBAS DO RIO PARDO
Detetive particular já condenado é preso por dirigir embriagado após acidente
JUDICIÁRIO
Justiça Federal absolve ex-presidente Temer de envolvimento em 'quadrilhão'
COXIM
Homem agride filho e nora de vereador, quebra viatura e danifica loja
SELEÇÃO
Ibama é autorizado a contratar 1,6 mil funcionários temporários
NAVIRAÍ
Ambiental apreende armadilha de caça de animais silvestres de grande porte 
BRASIL
Bolsonaro veta prorrogação para entrega de declaração do Imposto de Renda

Mais Lidas

INVESTIGAÇÃO
Homem é preso suspeito de estuprar quatro sobrinhas em Dourados
DOURADOS
Fumaça em estrada causa colisão entre caminhões e leva transtorno a moradores; vídeo
PANDEMIA
Decreto reduz toque de recolher em Dourados na semana do Dia das Mães
REGIÃO
Mãe e filha são executadas em locais diferentes na fronteira