Menu
Busca sexta, 15 de outubro de 2021
(67) 99257-3397

Palestra apresenta projeto para o confinamento de 50 mil bois na Capital

20 março 2008 - 16h32

Projeto para o confinamento de até 50 mil animais através de parceria ou do chamado "boitel" - aluguel para engorda será apresentado aos produtores do Estado no dia 24 de março, as 19h30, na palestra "Confinamento Malibu", que será realizada no auditório do Sindicato Rural de Campo Grande. O evento apresentará as vantagens do serviço de acabamento e engorda de bovinos destinados ao abate que será inaugurado em abril na Capital.

A palestra será conduzida por três representantes do grupo Malibu: Rodrigo Arruy (diretor financeiro); Fernando Flores (gerente comercial), e Ana Vasconcelos Bueno (veterinária) responsável pela analise de negócios da unidade Malibu em Castilho (SP), planta com capacidade estática instalada para o confinamento de até 25 mil animais.

Segundo Ana Bueno, também especialista do mercado agropecuário, o projeto, localizado na BR 163 (saída para São Paulo) em uma fazenda de 580 hectares, está em fase final de acabamento. "Estamos terminando as obras na área de 121 hectares que será destinada ao confinamento de até 50 mil cabeças de gado", adianta.

"Malibu é uma prestadora de serviços, nosso objetivo não é a compra de bois, queremos buscar parceiros para engorda, e vamos informar ao produtor as vantagens de nosso serviço", explica.

Ela revela que o Grupo Malibu escolheu Campo Grande como sede do investimento com base em um amplo estudo econômico da região. Foram avaliadas as questões de logística, rebanho e capacidade instalada de abate. Dentre os pontos positivos está a sensível expansão das indústrias instaladas. "A médio prazo os abates devem ultrapassar as 10 mil cabeças/dia".

"O Mato Grosso do Sul possui o maior rebanho produtivo do país e Campo Grande está estrategicamente localizada entre os grandes centros pecuários", declara.

Projeto Malibu

Ana Vasconcelos conta como os serviços são oferecidos. Na modalidade "parceria", o pecuarista fica com o valor do peso de entrada do animal no confinamento. Quando o Malibu vender o boi, o frigorífico paga diretamente para o produtor o valor referente ao peso do animal antes da engorda. "O boi entra no confinamento com 12 arrobas e sai com 17", exemplifica.

"Uma das vantagens é que o pecuarista tira da fazenda um boi magro com 12 arrobas, que não teria venda, e abre espaço para reposição, girando seu negócio mais rápido", comenta.

A outra modalidade oferecida é o "Boitel", onde o criador paga a diária de engorda do boi até o peso desejado de abate. "O produtor acerta o valor da diária e recebe do frigorífico o boi inteiro", concluí.

Durante a palestra os empresários apresentarão os detalhes de rentabilidade dos serviços oferecidos, expondo os sistemas que serão empregados no confinamento. O projeto inclui manejo racional, fábrica de rações, programa de saúde bovina e critérios de acabamento para a produção de carcaças de qualidade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Prefeito paraguaio diz que 'polícia encobre o autor de chacina
FRONTEIRA
Prefeito paraguaio diz que 'polícia encobre o autor de chacina
'LOREM IPSUM'
Governo Bolsonaro faz post sem conteúdo sobre mil dias de gestão
PMA recolhe filhotes de beija-flor que caíram com ninho durante ventania
MEIO AMBIENTE
PMA recolhe filhotes de beija-flor que caíram com ninho durante ventania
CORTE DE VERBA
Bolsonaro sanciona lei que retira mais de R$ 600 milhões da ciência
Prefeitura de Naviraí interdita ponte por conta de risco de desabamento
REGIÃO
Prefeitura de Naviraí interdita ponte por conta de risco de desabamento
CULTURA
Festival de dança valoriza a melhor idade e promove a confraternização
VIOLÊNCIA
Diretor-adjunto é condenado por estuprar criança de 10 anos em escola
DOURADOS
Incubadoras da UFGD selecionam propostas de novos empreendimentos
CAPITAL
Ao se negar entregar celular a ladrão, menina de 12 anos é esganada
VACINA
Saúde reduz intervalo da AstraZeneca de 12 para 8 semanas

Mais Lidas

DOURADOS
Polícia indicia três e recupera R$ 32 milhões de golpe milionário em empresa
FRONTEIRA
"Olheiro" de vítimas da chacina em Pedro Juan é preso
VIOLÊNCIA
Ataque na fronteira deixa um morto e dois feridos, entre eles vereador
CLIMA
Chuva e ventos fortes derrubam árvores em Dourados e causam estragos em posto da PRF