Menu
Busca terça, 20 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Oito mil jovens em MS receberão bolsa de R$ 100

06 maio 2005 - 10h13

Cerca de oito mil jovens de Campo Grande serão beneficiados pelo programa Pró-Jovem, que começa a ser desenvolvido pelo governo federal no mês de junho em 10 capitais brasileiras. O programa vai promover a aceleração de escolaridade, qualificação profissional e execução de ações comunitárias. Ontem, o secretário Extraordinário de Representação e Articulação Institucional, Rodrigo Terra, conheceu o Pró-Jovem que será desenvolvido pela Secretaria Geral da Presidência da República e os ministérios da Educação, do Trabalho e Emprego e do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. O secretário nacional de Juventude, Beto Cury, explicou que, em Campo Grande, a meta para 2005 é atingir cerca de cinco mil jovens e no ano que vem mais três mil. O governo federal discute estender o programa para municípios do Interior.O programa vai atender jovens com idade entre 18 e 24 anos, que não possuem carteira assinada, e que terminaram a 4ª série, mas não concluíram a 8ª série do ensino fundamental. Além das aulas de aceleração escolar, qualificação profissional e inclusão digital, eles receberão uma bolsa de R$ 100 por mês. O Pró-Jovem terá duração de um ano. Ele será implementado em núcleos locais reunindo cinco turmas de 30 jovens. Cada núcleo será ligado a uma Estação de Juventude, um complexo que vai reunir salas de aula, laboratórios e bibliotecas. Na primeira fase, o governo federal quer atuar nas 27 capitais brasileiras, atendendo 200 mil jovens em 2005.Segundo dados da Secretaria Nacional de Juventude, 17 milhões de jovens em todo o País estão fora da escola. Além de mudar esse quadro, oferecendo ao jovem a oportunidade de concluir os estudos, a Política Nacional de Juventude quer prepará-lo para o mercado de trabalho. Hoje, 14,3 milhões de pessoas entre 18 e 24 anos não concluíram o ensino médio. A taxa de desemprego entre os jovens (17%) é quase o dobro da nacional (9%).O Pró-Jovem é um dos eixos fundamentais da Política Nacional de Juventude e, segundo o secretário Beto Cury, “é o compromisso do governo federal com os jovens brasileiros que mais sofrem com as conseqüências de um processo de exclusão dos bens sociais, principalmente, educação e trabalho”.Ao final da reunião, o secretário Rodrigo Terra reforçou o convite ao secretário nacional para participar da mesa de debates “Políticas Públicas para a Juventude” no Festival América do Sul em Corumbá, no dia 27 de maio. Beto Cury mostrou interesse ressaltando a importância de promover a discussão e ficou de confirmar a participação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Com motorista embriagado e duas menores portando droga, veículo é abordado e 5 vão para a delegacia
PARANAÍBA
Com motorista embriagado e duas menores portando droga, veículo é abordado e 5 vão para a delegacia
Idosos e profissionais de saúde podem tomar segunda dose de vacina contra Covid amanhã
DOURADOS
Idosos e profissionais de saúde podem tomar segunda dose de vacina contra Covid amanhã
EMPREGO
Funtrab fecha primeiro trimestre de 2021 com mais de 10 mil vagas intermediadas
BRASIL
Arrecadação federal sobe 18,5% e bate recorde para meses de março
Você trata bem sua esposa?
ARTIGO
Você trata bem sua esposa?
JUSTIÇA
Serviço de limpeza é retomado em Dourados após TCE revogar decisão
NEGÓCIOS & CIA
Muito mais flexibilidade e conforto para você: Coleção fitness Thais Matos Lingerie
PANDEMIA
MS participa de consórcio para compra de 28 milhões de doses de vacina contra Covid
DOURADOS
Com apenas seis bolsas do tipo O-, Hemocentro faz apelo por doação de sangue
LEGISLATIVO DE MS
Barbosinha pede ao Governo construção de 28 casas populares no distrito de Indápolis

Mais Lidas

ASSALTO
Mulher tem carro roubado ao parar no semáforo em Dourados
POLÍCIA
Irmãos morrem após serem atropelados por caminhonete em rodovia
LOTERIAS
Mega-Sena premia uma aposta com R$ 40 milhões e 11 douradenses acertam a Quadra
DOURADOS/ITAPORÃ
Produtor rural morto em acidente na MS-156 voltava de aniversário em pesqueiro