Menu
Busca segunda, 30 de março de 2020
(67) 9860-3221

Oficina da Vigilância Sanitária termina amanhã

14 agosto 2002 - 14h22

Mais de 40 fiscais da Vigilância Sanitária de todo o estado participam da oficina “Atualização em boas práticas de fabricação e análise de perigos e pontos críticos de controle”, promovida pela Secretaria de Saúde. O curso, que teve início segunda-feira, aborda teoria e prática da Vigilância Sanitária em fábricas, mercados e restaurantes numa concepção mais ampla da atividade, considerando o controle de riscos em cada etapa do processo de produção de alimentos.
O curso aborda os temas: contaminação dos alimentos; meios de controle dos fatores de crescimento de microorganismos; higiene pessoal, ambiental e operacional; práticas de produção alimentar e conservação de alimentos.
A capacitação está sendo realizada no Coordenadoria de Desenvolvimento de Recursos Humanos (Escola de Saúde Pública) em Campo Grande, das 8h30 às 17h30. O encerramento será amanhã.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Covid-19: número de mortes no Brasil sobe para 136
COVID-19
Estado confirma mais cinco casos de coronavírus; Dourados segue com dois
INTERNACIONAL
Novo embaixador dos Estados Unidos chega ao Brasil
MATO GROSSO DO SUL
Bombeiros fazem alerta para aumento de 133% na quantidade de incêndios
DEFENSORIA PÚBLICA
DPU cria canal para denúncias durante o enfrentamento ao coronavírus
MATO GROSSO DO SUL
Calendário de vacinação contra aftosa será mantido
BRASIL
Bolsonaro dá passeio em Brasília após Mandetta enfatizar isolamento
ACIDENTE
Motociclista morre ao colidir em touro em cidade do interior
ESTAVA NA PED
Mato-grossense é preso com por tráfico de drogas em Dourados
NOTA PREMIADA
Lista de ganhadores já está disponível para consulta

Mais Lidas

COVID-19
Dourados confirma primeiro caso do novo coronavírus
COVID-19
Mulher de 52 anos é o 2º caso de coronavírus em Dourados, total no Estado é de 31
DOURADOS
Estado avisou sobre contato entre douradense e morador da Capital com Covid-19
AQUIDAUANA
Quatro homens são autuados em R$ 10,4 mil por pesca predatória em MS