Menu
Busca quarta, 12 de maio de 2021
(67) 99257-3397

OAB/MS acompanha caso de professor suspeito de filmar alunas

17 março 2011 - 08h20

A OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil, em Mato Grosso do Sul) acompanhará, por meio da subseção de Dourados, o caso do professor de geografia, André Luiz de Oliveira, 36 anos, suspeito de filmar alunas adolescentes.

“É uma denúncia grave que deve ser apurada”, disse o presidente da OAB/MS, Leonardo Avelino Duarte.

No fim de semana foi apreendido um computador e um pen drive que, segundo a Polícia, continham as supostas imagens. O material foi encaminhado para o núcleo de perícia de Dourados para ser analisado.

Segundo o presidente da subseção de Dourados, César Augusto Rasslan Câmara, a Comissão de Direitos Humanos da entidade irá acompanhar o caso e averiguar o que é possível na ação.

“Caso seja realmente culpado, a penalidade deve ser aplicada. É inadimissível cometer um ato desses. Coisas que repudiam a moral, os bons costumes e que ferem a cidadania e a sociedade a OAB repudia”, afirmou.

Segundo informações preliminares o advogado Isaac de Barros Júnior, representará pela prisão preventiva do professor de Dourados, acusado de pedofilia.

Por medida preventiva, ele vai requerer a prisão do professor já que a esposa, responsável pela denúncia contra o professor, corre risco.

O professor que era funcionário de três instituições de ensino de Dourados já teria sido afastado dos cargos temporariamente.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASILÂNDIA
Jovem de 23 anos destrói recepção de hospital durante surto
BRASÍLIA
Secretário Mario Frias é submetido a cateterismo de emergência
TRÊS LAGOAS
Homem que matou cantor a tiros em tabacaria é condenado a 46 anos
BRASIL
Câmara aprova projeto que pode restringir atuação da oposição
Homem contrai dívida de R$ 32 mil ao fazer portabilidade de empréstimo
BENEFÍCIO
Cultura prorroga prazo para entrega de documentação do FIC
POLÍCIA
Condutor de lancha envolvida em acidente com morte presta depoimento
EDUCAÇÃO
Metas do Inep para o ano não incluem aplicação do Enem 2021
IVINHEMA
Três dias depois de ser envenenada pela mãe, criança recebe alta
FERIADO
Comarca de Angélica não terá expediente amanhã e sexta-feira

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
INDÁPOLIS
'Frio' e com roupa ainda suja de sangue, assassino de tio não mostrou arrependimento ao ser preso
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
PANDEMIA
Novo decreto mantém toque de recolher às 21h e autoriza abertura de cinema em Dourados