Menu
Busca segunda, 17 de maio de 2021
(67) 99257-3397

OAB debate amanhã Conselho Federal de Jornalismo

17 agosto 2004 - 07h07

O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, Roberto Busato, informou que a sessão ordinária do Conselho Federal da entidade discutirá amanhã (17) o projeto de lei de criação do Conselho Federal de Jornalismo (CFJ), manifestando sua posição a respeito da matéria. A informação foi dada ao receber a visita do presidente da Federação Nacional dos Jornalistas Profissionais (Fenaj), Sérgio Murillo, e do primeiro secretário da entidade Aloísio Lopes, presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais.O presidente da Fenaj disse, ao final do encontro, que solicitou a audiência com Busato para "agradecer a manifestação do presidente da OAB que, como entidade nacional, foi a primeira a apoiar o projeto de autoria da Fenaj, encaminhado ao Congresso Nacional". Ele afirmou que "esse apoio é especialmente importante, pela história e respeito que a OAB tem no Brasil inteiro"."A sociedade não pode perder a oportunidade de debater a democratização dos meios de comunicação", disse Murillo após a reunião com o presidente da OAB. Segundo observou, "a idéia do Conselho é um passo no sentido de se ter uma sociedade mais democrática, com uma comunicação mais democrática também". Ele descartou a possibilidade de a Fenaj pedir a retirada do projeto do Congresso e disse que "ninguém seria esquizofrênico para propor um órgão que fosse atentar contra a liberdade de imprensa, logo nós, da Fenaj e dos sindicatos".Para o primeiro secretário da Fenaj, Aloísio Lopes, afirmou que o Conselho, "ao fiscalizar a ética jornalística, garantirá ainda mais liberdade de imprensa no Brasil e mais democracia". Ele disse ainda que um dos pontos mais importantes da criação do Conselho é o fato de que ele assumirá a fiscalização do exercício da profissão, hoje a cargo do Ministério do Trabalho. "Queremos é justamente retirar do governo a competência de fiscalizar o exercício profissional do jornalista e passá-la para um órgão autônomo, que vai ter inclusive participação da sociedade", afirmou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
UFGD adia leilão de quase 500 toneladas de milho e soja
Homem é preso com mais de 350 quilos de drogas na MS-164
REGIÃO
Homem é preso com mais de 350 quilos de drogas na MS-164
Jovem é flagrado carregando mala com drogas em ônibus
MS-164
Jovem é flagrado carregando mala com drogas em ônibus
Dourados aplicou 65,9 mil doses de vacinas contra Covid-19
IMUNIZAÇÃO
Dourados aplicou 65,9 mil doses de vacinas contra Covid-19
MS vai receber mais de 85 mil doses de coronavac para 'zerar' fila da Dose 2
PANDEMIA
MS vai receber mais de 85 mil doses de coronavac para 'zerar' fila da Dose 2
DOURADOS
Mulher tem moto furtada na Avenida Marcelino Pires
DOURADOS
Usina de etanol de milho terá que pagar R$ 4 milhões de compensação ambiental
MS
Agepen define parâmetros para prisão das pessoas LGBT+
Capataz é preso com animal silvestre ilegal e cinco armas de caça
DOURADOS
Comparsas fogem e homem é preso após furtar fios em cooperativa

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Após discussão, jovem bate veículo em poste e namorada que estava no capô morre
POLÍCIA
'Apaixonado', rapaz furta objetos na PED para ser preso e reencontrar marido
FEMINICÍDIO
Mulher baleada na cabeça pelo ex-marido morre no hospital
REGIÃO
Mulher mata o marido a facadas após discussão em MS