Menu
Busca terça, 02 de junho de 2020
(67) 99659-5905

OAB contesta PEC dos Precatórios no Supremo

15 dezembro 2009 - 08h23

O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Cezar Britto, entra hoje (15) no Supremo Tribunal Federal (STF) com ação direta de inconstitucionalidade (Adin) contra a Emenda 62/09, conhecida como a PEC dos Precatórios (pagamento de dívidas do governo determinado pela Justiça). Será às 16h.

A emenda aprovada pelo Senado alterou a forma de pagamento dos precatórios judiciais, o que, segundo a OAB, significa um ataque ao Estado de Direito, pois legalizaria o calote e estimularia a corrupção.

A emenda muda as regras de pagamento dos precatórios e permite a estados e municípios realizarem leilão no qual o credor poderá propor descontos para receber os valores. Quem discordar, segundo o presidente da OAB, poderá levar no mínimo 30 anos para receber na Justiça.

Antes de propor a Adin, Cezar Britto vai ser reunir, na sede da OAB nacional com representantes da Marcha em Defesa da Cidadania e do Poder Judiciário para discutir os termos da ação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MARACAJU
Mulheres denunciam tarado que se tocava em terminal rodoviário
COVID-19
'Lamento todos os mortos, mas é o destino de todo mundo', diz Bolsonaro
DOURADOS
Prefeitura selecionará apresentações culturais para exibições on-line
FUTEBOL
Flamengo e Jesus aparam arestas e acertam renovação até junho de 2021
COSTA RICA
Em reconstituição, ex assume morte de casal, mas alega legítima defesa
QUARENTENA
Moro não poderá advogar por 6 meses e receberá salário de ministro
ECONOMIA
Prazo de pagamento da inscrição no Enem é prorrogado para o dia 10
RIO PIQUIRI
Corpo de adolescente que saiu para pescar sozinho é encontrado em rio
AVANÇO DA PANDEMIA
Brasil registra 1.262 mortes por Covid-19 em 24 horas e chega a 31.199
IVINHEMA
Mulher é suspeita de forçar filha de 6 anos a participar de sessões de estupro

Mais Lidas

DOURADOS
HU emite nota de esclarecimento sobre atendimento de mulher que morreu com Covid-19
PANDEMIA
Com mais 27 casos, Dourados ultrapassa 300 confirmações de coronavírus
PANDEMIA
Dourados registra mais 19 casos de coronavírus em 24 horas
6ª VARA CÍVEL
Empresário vai à Justiça contra toque de recolher em Dourados