Menu
Busca segunda, 13 de julho de 2020
(67) 99659-5905
Saúde e Bem-estar

O estresse e o surgimento de novas síndromes

28 janeiro 2020 - 10h46Por LUCIANE SPERAFICO

As Redes Sociais vêm transformando nossas vidas e nosso aprendizado. 

A geração atual tem acesso a novas tecnologias desde muito cedo e tem acesso a diferentes meios de informação. Estamos diante de um novo formato de comunicação que a cada dia passa por transformações. A dependência do celular, do computador, da Internet é crescente e, apesar de serem vícios socialmente aceitos, são igualmente nocivos, pois alteram o comportamento dos indivíduos. Alguns especialistas acreditam que o uso excessivo das novas tecnologias torna as pessoas mais impacientes, impulsivas e esquecidas.

A tecnologia sequestrou nossa qualidade de vida? A quantidade de tempo que estamos gastando por causa de nossos dispositivos cresceu exponencialmente nos últimos anos, e o custo desse crescimento afeta, em grande parte, os fatores essenciais na promoção de uma boa saúde, relacionamentos de qualidade e um alto nível de bem-estar pessoal e Aprendizagem.

Com o uso massivo dos aparatos tecnológicos algumas síndromes necessitam de nossa Atenção.  Apresentamos algumas das doenças mais comuns resultantes do uso excessivo de dispositivos digitais:

*O Estresse é uma reação do organismo, com componentes psicofisiológicos que ocorrem quando o indivíduo se confronta com uma situação que, de um modo ou de outro, o irrite, amedronte, excite ou confunda. O Estresse, diferente da depressão, é a maneira como o corpo reage diante de diferentes situações de grande esforço emocional. Ele também pode atingir pessoas de todas as idades.

*Tensão nos olhos (além de outros problemas oculares) pode ser causada ao passar muito tempo olhando uma tela. Os sintomas incluem olhos vermelhos, visão embaçada e, em casos mais extremos, até mesmo náuseas.

*A tendinite é causada por trabalhar habitualmente com nossos braços e pulsos em posições não naturais ao usar um teclado, mouse, telefone celular ou controles de videogames. Dependendo da causa específica e da área afetada, às vezes é referido como “textinite”.

*A perda de audição induzida por ruído pode ser sofrida por pessoas que costumam ouvir música em níveis de volume elevados em fones de ouvido. Essa exposição prolongada ao som de alto decibel pode causar danos graduais e irreversíveis nas estruturas internas dos ouvidos.

Síndromes tecnológicas

As síndromes listadas abaixo são relativamente novas e demorarão para serem tratadas como doença, mas é de extrema importância o estudo destas e de seus fatores causais.
*Nomophobia: Uma doença relativa à sensação de ansiedade de ficar desconectado da rede. A palavra nomophobia é uma abreviatura de “no-mobile phobia”, ou seja, uma síndrome desenvolvida pelo medo de ficar sem uma conexão móvel. Para algumas pessoas, quando o celular fica sem bateria e não há nenhuma tomada por perto, uma desconfortável sensação de privação e distanciamento do mundo surge.

*Síndrome do toque fantasma: Trata-se daquela sensação de que o seu celular está vibrando no seu bolso, fazendo com que você o pegue de cinco em cinco minutos para conferir. Pelo menos 70% das pessoas que assumem usar muito o celular sofrem este tipo de “delírio”.

*Náusea Digital (Cybersickness): Trata-se da vertigem que algumas pessoas sentem quando interagem com alguns ambientes digitais. Em tempos de Gifs, sites em flash e experiências em 3D, tornam-se cada vez mais comuns os relatos de pessoas que sentem tonturas e outras sensações desagradáveis ao interagirem com este universo fora do comum. Essas tonturas e náuseas resultantes de um ambiente virtual foram apelidadas de Cybersickness. O termo surgiu na década de 1990 para descrever a sensação de desorientação vivida por usuários iniciais de sistemas de realidade virtual. 

*A insônia pode ser causada pelo uso de celulares e tablets à noite, o que é bastante comum; muitas pessoas dormem com seus celulares ao seu lado. De fato, passar as horas noturnas nas redes sociais tem seu próprio nome agora: “vamping”, em referência às criaturas mais famosas da noite.

*Cibercondria ou hipocondria digital: Uma tendência que o usuário compulsivo desenvolve por acreditar que tem todas as doenças sobre as quais leu na internet. Grande parte deste problema está justamente na quantidade infindável de informações relacionadas a doenças – nem sempre confiáveis – disponíveis na rede. Pessoas recorrem aos “médicos virtuais” para identificar a causa de pequenos problemas, como dores de cabeça, por exemplo. A partir daí, com um pouco de informação e muita imaginação, o usuário passa a pensar que tem algo grave.

Em síntese, a tecnologia trouxe facilidades para o nosso dia-a-dia, entretanto, criou também uma necessidade frequente de estar conectado. Levamos em conta que atualmente a tecnologia deixou de ser um simples diferencial para se tornar uma necessidade. O ser humano expressa uma vontade cada vez maior de estar informado. Isso pode gerar ansiedade, dependência e estresse.

Vale a pena ressaltar que a utilização da tecnologia, mais especificamente as redes sociais, não acarreta em dano algum ao ser humano, mas, em contrapartida, seu uso desregrado pode contribuir para surgimento de algumas doenças.

Embora a nossa compreensão científica dessas doenças ainda seja, em alguns casos, preliminar, os perigos reais que elas apresentam mostram que é uma boa ideia começar a tomar medidas para preveni-las.

Apresenta esses sintomas? Procure um especialista!
Agende sua Avaliação e Tratamento no CENAIPP

CENTRO DE ATENDIMENTO E INTERVENÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA, PSICODIAGNÓSTICO/ PSICOLOGIA/ NEUROPSICOLOGIA/ COACH VOCACIONAL & CARREIRA.

 Os contatos: 

(67)9.9954-8716 ou (67) 3421-0550

Rua Ciro Melo, 2280 Centro- Dourados/MS

Facebook-Cenaipp

Sobre a Profissional - LUCIANE SPERAFICO”

* Mestre em Psicologia

* Psicanalista

* Psicopedagoga

* Pedagoga e Neuropedagoga

* Especialista Em Neuropsicologia

* Atualização Em Reabilitação Neuropsicológica

* Especialista Em Educação Especial com ênfase em Autismo

* Especialista Em Psicoterapia Cognitivo Comportamental

Screener da Síndrome de Irlen

*Analista Comportamental DISC pela SLAC

* Coach de Carreira &Coach Vocacional

*Facilitadora da metodologia LEGO SERIOUS PLAY e POINTS OF YOU

*Tutora Cogmed- Treinamento de Memória Operacional &Treino Cognitivo (Atenção)

*Formação em Psicologia Positiva e Terapia do Esquema

*Atualização em Mindfulness 

  

Leia Também

INFLUENZA
Estado tem mais de 400 hospitalizados com síndrome respiratória em uma semana
BRASIL
Estatuto da Criança e do Adolescente completa 30 anos
TV DOURADOS NEWS
Secretária de Planejamento de Dourados fala sobre o Plano Diretor da cidade
QUER TRABALHAR?
MS tem 661 vagas de emprego; 50 disponíveis para Dourados
RIO BRILHANTE
Homem é baleado após briga por terreno em distrito
CAMPO GRANDE
Filha encontra a mãe morta na varanda ao chegar em casa de madrugada
BRASIL
Receita alerta para retorno de obrigações adiadas na pandemia
DOURADOS
Câmara e PreviD definem data de audiência que debaterá suspensão dos débitos previdenciários no município
DOURADOS
Campanha de vacinação contra o sarampo segue até 31 de agosto
MATO GROSSO DO SUL
Encontro anual de Observatórios discute fortalecimento das pesquisas e suas contribuições com a situação atual do turismo

Mais Lidas

BARBÁRIE
Homem assassina ex, atira em crianças e se mata no altar de igreja em Dourados
DOURADOS
‘Deus no comando amem’: antes de crimes, atirador postou pregação religiosa
DOURADOS
Atirador baleou criança de quatro anos na cabeça ao abrir fogo para matar ex-mulher
PANDEMIA
Em dia com quase 100 novos casos, Dourados tem mais uma morte por coronavírus