Menu
Busca terça, 21 de setembro de 2021
(67) 99257-3397

O desrespeito com o próximo cada vez mais evidente

25 agosto 2014 - 06h26

O desrespeito com o próximo fica cada vez mais evidente no dia a dia não só do douradense, mas do brasileiro em geral. Despreocupados em reconhecer seu limite diante de pequenas situações rotineiras, essas práticas tem irritado e deixado aborrecidos pessoas educadas e que sabem até onde vão os seus direitos em relação aos outros.

As questões de conhecer o que é certo ou errado vem de berço e, infelizmente o nosso berço é o de querer ter e levar vantagem em tudo. Aquele que busca seguir as regras, conforme determinado e aprendido durante a criação, muitas vezes é taxado como um ‘zé mané’.

Situações como a mostrada no sábado aqui no Dourados News, onde um internauta encaminhou uma sessão de imagens feitas após algumas voltas pela região central do município é apenas o menor dos problemas. [(Leia aqui)](http://www.douradosnews.com.br/noticias/ligado-na-redacao/internauta-faz-sessao-de-flagrantes-de-desrespeito-no-transito)

Condutores de veículos, que em muitos casos devem dar exemplo, como os oficiais, pouco estão preocupados em prejudicar ou não o cidadão. Sem contar aquele que, para ganhar vantagem no trânsito, atravessa no sinal vermelho, fecha passagem e para em fila dupla.

O pior é que nesses casos, quase sempre estão na presença de seus filhos, que vendo os ‘belos exemplos’ dos pais, farão igualzinho durante o seu amadurecer.

Além disso, existem os ‘fura-filas’ em postos de saúde e hospitais, muitas vezes a mando deste ou daquele político ou candidato que em busca da simpatia no momento do voto, acaba prejudicando outras pessoas.

É a forma de fazer funcionar o sistema governado ou legislado por ele próprio e que lhe confere anos e anos de poder.

Podemos também enumerar dezenas de atitudes realizadas diariamente como não devolver o troco recebido a mais, deixar de incluir na conta algo que passou despercebido, usar para conseguir algum benefício – como lugar especial – crianças e idosos, e por ai vai.

Neste país em que todos reclamam de corrupção e mau emprego de recursos públicos, a honestidade tem sido algo anormal e muitas vezes as pessoas são elogiadas pelos atos, o que não deveria acontecer, e sim ser cobrado por cada um de nós.

Deixe seu Comentário

Leia Também

No CETEPS, aluno sai com diploma de técnico em enfermagem em 18 meses
INFORME PUBLICITÁRIO
No CETEPS, aluno sai com diploma de técnico em enfermagem em 18 meses
AQUIDAUANA
Acusado de atirar na nuca de policial é condenado a 18 anos de prisão
BENEFÍCIO
INSS: quase cinco milhões terão de fazer prova de vida até 2022
DOURADOS
Agetran e Sucata Cultural realizam nesta terça Abordagem de Veículos 
NOVA YORK
Discurso de Bolsonaro abre debate da 76ª Assembleia Geral da ONU
AGRO
Semagro e Iagro lançam campanha para produção de alimentos seguros
CHAPADÃO DO SUL
Caminhão-tanque com etanol pega fogo e quase vai pelos ares
TEMPO
Terça-feira de sol com algumas nuvens em Dourados; não chove
Homem é preso com carro roubado no RJ que seria levado para a Bolívia
IFA
Fiocruz recebe na quarta insumos para produzir 5,2 milhões de doses

Mais Lidas

DOURADOS
'Buguinha' é presa e diz que matou caseiro por legítima defesa
EVENTO CLANDESTINO
PM encerra festa com pelo menos 2 mil pessoas em Dourados
DOURADOS
Envolvida em execução de detetive é presa novamente em Dourados
LOTERIA
Douradense fatura R$ 31 mil ao acertar na quina