Menu
Busca terça, 27 de julho de 2021
(67) 99257-3397

Murilo defende união da bancada para liberação de emendas

10 novembro 2004 - 17h16

O deputado federal Murilo Zauith (PFL-MS) defendeu hoje a união das bancadas federais do Mato Grosso do Sul no Senado Federal e na Câmara dos Deputados para defender a liberação das emendas parlamentares para o Estado previstas no Orçamento Geral da União ainda para este ano. As emendas apresentadas de forma coletiva pela bancada do MS somaram  R$ 108,4 milhões, mas até agora somente R$ 969 mil foram pagos, o que representa menos de 1% dos recursos previstos. Em relação às emendas individuais, do valor total que juntas somam R$ 27.5 milhões, apenas cerca de R$ 630 mil foram pagos, ou seja, algo em torno de 3% do valor total.O apelo foi feito por Murilo Zauith durante encontro das bancadas sul-mato-grossenses com 37 prefeitos de municípios do estado, que discutiu a melhor maneira de obter a liberação das emendas individuais e coletivas para o Estado previstas no Orçamento de 2004. A reunião foi realizada no auditório da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal e além de Murilo estiveram presentes os deputados Waldemir Moka, Nélson Trad e Geraldo Rezende e os senadores Juvêncio da Fonseca e Ramez Tebet.Durante o encontro Murilo enfatizou sua preocupação de que, no momento em que o Congresso inicia a discussão do Orçamento Federal para 2005, o governo do presidente Lula ainda mantém contigenciada retida grande parte do total das emendas parlamentares. Ele lembrou ainda, por outro lado, que até o mês passado, o governo tinha aplicado apenas 17% do previsto no Orçamento para investimento. “Temos que nos empenhar pela liberação dos recursos para os municípios, já previstos no orçamento deste ano. Não podemos iniciar a discussão de orçamento do ano que vem sem executarmos o atual ou corremos o risco de todo o trabalho que envolve as análises e alterações da Proposta Orçamentária, feitas pelo Congresso, virar mera peça de ficção nas mãos do Governo Federal”, afirma Murilo. “O Presidente e sua equipe precisam entender que as emendas parlamentares são apresentadas ouvindo a população”, ressalta Murilo. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Italo Ferreira conquista no surfe o 1° ouro do Brasil em Tóquio
OLIMPÍADAS
Italo Ferreira conquista no surfe o 1° ouro do Brasil em Tóquio
MEIO AMBIENTE
'Queima controlada' no Pantanal está suspensa até 30 de outubro
Flávio Moura começa a trilhar o caminho da política visando as eleições de 2022
TV DOURADOS NEWS
Flávio Moura começa a trilhar o caminho da política visando as eleições de 2022
Julho segue para ter a menor média de casos de covid no ano em MS
NÚMEROS DA PANDEMIA
Julho segue para ter a menor média de casos de covid no ano em MS
AJUDA
Caixa libera 4ª parcela a beneficiários do Bolsa Família com NIS final 7
DOURADOS
Juventude AG vence Abilio Nery e se reabilita da Taça Brasil de Futsal
EDUCAÇÃO
Fies 2021 abre inscrições hoje e usará notas do Enem de 2010 a 2020
FRONTEIRA
Casal é executado por "justiceiros" enquanto comemorava aniversário
TEMPO
Terça-feira nublada com possibilidade de chuva em Dourados
POLÍCIA
"Soldado" de grupo terrorista que atuava na fronteira é preso no Paraguai

Mais Lidas

DOURADOS
Revoltados por morte de adolescente, populares atacam casa de acusado
POLÍCIA
Adolescente de 13 anos morre após ser atropelado no Estela Porã; motorista fugiu
DOURADOS
Homem é esfaqueado na Rua Monte Alegre e encaminhado em estado grave ao HV
ESTRELA PORÃ
Homem que atropelou e matou adolescente de 13 anos é preso em Dourados