Menu
Busca sábado, 15 de agosto de 2020
(67) 99659-5905

Mulheres dizem que foram roubadas na Máxima

05 janeiro 2004 - 09h25

Duas mulheres que foram visitar parentes na Penitenciária de Segurança Máxima de Dourados, denunciaram na Polícia Civil que foram roubadas. Rosemeire Ladeia, moradora na Vila Ubiratan  e a boliviana  Adélia Lílian Fariñas Olmos, moradora no jardim Márcia, contaram no 1º Distrito Policial que deixaram em uma guarita no Harry Amorim Costa suas bolsas, já que não poderiam entrar com elas no interior do presídio. Rosimeire, disse que ficou sem R$ 100 e Adélia alega que foram furtados U$ 400 em moeda norte-americana. As duas mulheres denunciaram que foram ameaçadas por uma agente identificada como Beatriz. A Polícia Civil vai investigar o caso. (Antonio Coca)

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS
Arrendatário que fez drenos ilegais em várzea recebe multa de R$ 15 mil
BRASIL
Filho mais novo de Bolsonaro está com covid-19
DOURADOS
Vítimas de calote municipal recorrem de decisão que extinguiu ações sem julgamento
CAPITAL
Festa em condomínio termina com prisão do dono da casa e músico
BRASIL
Covid-19: profissionais de saúde podem se alistar para teste de vacina
CONFLITO FUNDIÁRIO
STF fará audiência sobre reintegração de imóveis rurais ocupados por índios em Dourados
BRASIL
Sinos de igrejas em todo país tocam em homenagem a mortos por covid-19
PLATAFORMA
DJ eletrônico do STF será divulgado às 19h a partir de 31 de agosto
DOURADOS
Investigação que originou Operação Contágio será arquivada e parte vai ao MPF
ECONOMIA
Vendas externas de açúcar aumentam 200% de janeiro a julho e MS é 6º maior exportador do país

Mais Lidas

DOURADOS
Fogo destrói lanchonete, invade loja e queima várias motocicletas
DOURADOS
Decreto deve autorizar volta de cursos profissionalizantes e atividades práticas de universidades
PANDEMIA
Prefeitura autoriza abertura de bares e flexibiliza funcionamento de outros setores
DOURADOS
Operação 'Gambiarra' mira reformas de escolas municipais pagas por secretária em nome de empresa