Menu
Busca sábado, 05 de dezembro de 2020
(67) 99659-5905
CRIME AMBIENTAL

Mulher é autuada em R$ 2,4 mil por armazenamento ilegal de madeira

26 setembro 2017 - 16h50

Nesta terça-feira (26), uma mulher de 36 anos, moradora no assentamento Indaiá foi autuada pela PMA (Polícia Militar Ambiental) por armazenar madeira ilegalmente.

Os policiais militares ambientais de Aquidauana verificaram em vistoria que a infratora armazenava em seu lote 500 estacas de madeira da espécie carvão branco sem autorização do órgão ambiental.

Não havia autorização ambiental (DOF – Documento de Origem Florestal), que é o documento legal para se ter em depósito ou transportar qualquer produto florestal.

A infratora foi autuada administrativamente e multada em R$ 2.4 mil. Ela também responderá por crime ambiental, com pena prevista de seis meses a um ano de detenção.


Deixe seu Comentário

Leia Também

Tio e adolescente são encontrados, mas criança continua desaparecida
CAMPO GRANDE
Tio e adolescente são encontrados, mas criança continua desaparecida
COVID-19
STF julgará ações sobre plano de vacinação do governo no próximo dia 17
REGIÃO
UFGD prorroga as inscrições do Vestibular da Educação a Distância
FUTEBOL
Fifa anuncia que Mundial de Clubes de 2021 será no Japão
CAPITAL
Mulher tem arma empurrada contra o pescoço durante assalto
JUSTIÇA
Autor de agressões que vitimaram jovem deve indenizar família da vítima
GOLPE
Homem perde cerca de R$ 19 mil ao tentar comprar carro pela internet
PRESIDÊNCIA
Mourão diz que parte dos assessores de Bolsonaro distorce fatos
BR-381
Ônibus irregular cai de viaduto e deixa 14 mortos em Minas Gerais
FUTEBOL
TJD/MS atende pedido do Comercial e suspende semifinal do Estadual

Mais Lidas

DOURADOS
Novo decreto não autoriza horário estendido do comércio em dezembro
TRÊS LAGOAS
Mãe vê menina com vizinho ao chegar do trabalho e descobre estupro
ECONOMIA
Pessoas que receberam auxílio emergencial irregular serão cobradas por SMS
PANDEMIA
Com novo óbito, Dourados confirma sexta morte por Covid em quatro dias