domingo, 21 de abril de 2024
Dourados
28ºC
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Mudanças na reforma tributária agrada prefeitos, diz Lanzarini

16 setembro 2003 - 09h23

A entrevista do líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio, ao programa Bom dia Brasil, da TV Globo, defendendo total mudança da reforma tributária, agradou aos prefeitos de Mato Grosso do Sul, segundo informou nesta terça-feira o presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), Dirceu Lanzarini (PL). "Quando percebemos que a votação das emendas e dos destaques à reforma, na Câmara, não seria favorável às prefeituras, passamos a contar com o apoio do Senado assim que a matéria chegar a Casa", disse Dirceu Lanzarini, lembrando que na semana passada lideranças municipalistas de todo o País reuniram-se com o presidente do Congresso, José Sarney (PMDB/AP), que prometeu empenho das discussões em torno das reivindicações dos prefeitos. Segundo o presidente da Assomasul, a principal reivindicação dos prefeitos é em relação a elevação do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), passando dos atuais 22.5% para 27.5%.  Durante entrevista ao Bom Dia Brasil, Arthur Virgílio defendeu que a reforma tributária deve começar praticamente do zero, quando chegar à Casa. "Eu sou a favor de nós começarmos praticamente do zero, porque ela é muito ruim", disse Virgílio . "Eles (governo) dizem que o governo Fernando Henrique não fez reforma tributária. Mas hoje eles baseiam a reforma deles na Desvinculação da Receita da União (DRU) e na CPMF. Isso não é reforma tributária", declarou o senador, que criticou os acordos de última hora que o governo fez na Câmara, para garantir a aprovação do texto do relator Virgílio Guimarães.Segundo o líder tucano, o Senado estará unido para definir o modelo de reforma tributária. Ele adiantou também que apresentará emenda limitando em 36% a carga tributária, com diminuição desse porcentual ao longo dos anos. "Nós temos de manter a racionalidade e a tranquilidade", disse o senador que garantiu que tanto na Câmara quanto no Senado o PSDB será sempre mais racional do que o PT quando foi oposição. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Comissão ouve ministro do Desenvolvimento Agrário sobre planos da Pasta para este ano
AGROPECUÁRIA

Comissão ouve ministro do Desenvolvimento Agrário sobre planos da Pasta para este ano

Sem o título, Dourados perde ainda duas vagas para competições nacionais
FUTEBOL

Sem o título, Dourados perde ainda duas vagas para competições nacionais

Operário domina partida, vence o DAC por 3 a 1 e conquista o título Estadual
CAMPEONATO ESTADUAL

Operário domina partida, vence o DAC por 3 a 1 e conquista o título Estadual

Minas Tênis Clube conquista título da Superliga feminina de vôlei
ESPORTE

Minas Tênis Clube conquista título da Superliga feminina de vôlei

Trigo resistente ao calor vira alternativa para alimentação de gado
SOLUÇÃO

Trigo resistente ao calor vira alternativa para alimentação de gado

REGIÃO

Explosão deixa homem ferido com queimaduras de 3° grau

COMPORTAMENTO

Fantasiar-se é terapêutico, dizem jovens em evento geek em Brasília

PREOCUPAÇÃO

Casos da doença cisticercose aumentam no Brasil

ESPORTE

Aída dos Santos participa do Centenário das Negritudes Esportivas

MAUS-TRATOS

Dona de ONG é liberada e terá de apresentar relatório médico de 560 animais

Mais Lidas

DOURADOS 

Jovem é estuprada após ser abordada por desconhecido em Saveiro branco

COTAÇÃO

Soja segue em destaque no mercado do agro em Dourados, confira cotação

DOURADOS

Justiça manda arquivar processo de improbidade contra envolvidos na Operação Pregão

DOURADOS 

Mulher de 46 anos morre atropelada por motocicleta na MS-156