Menu
Busca quinta, 06 de agosto de 2020
(67) 99659-5905

MST chama Puccinelli de “terrorista” e diz temer nova expulsão

13 dezembro 2003 - 14h53

O assentado Jair Rodrigues, um dos coordenadores do MST (Movimento Sem Terra) em Mato Grosso do Sul, disse há pouco, que as 25 famílias expulsas no último dia 11 da região do Macroanel, entre as saídas de São Paulo e Sidrolândia, temem que o prefeito André Puccinelli torne a fazer “ato terrorista” expulsando todos do local.“Temer outro ato terrorista desse prefeito nós tememos, porque ele não entende o que é ser humano. Só que tudo o que nós tínhamos ele destruiu, não temos mais pra onde ir. Se expulsar a gente daqui, voltaremos de novo”, declarou. “Se ele tirar a gente daqui é sinal de que ele deve ter um lugar melhor pra nós. A não ser que ele mate todo mundo”, protestou o coordenador do movimento.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BOA AÇÃO
Domingo tem live da Refúgio dos Bichos para auxílio aos animais resgatados
PANDEMIA
MS ultrapassa 29 mil casos de coronavírus e chega a 458 óbitos
DOURADOS
Vigilância Sanitária alerta sobre testes rápidos para Covid-19 em farmácias e drogarias
ECONOMIA
Pedidos de seguro-desemprego caem para 570,54 mil em julho
FISCALIZAÇÃO AMBIENTAL
Douradense é autuado em R$ 7,7 mil por desmatamento ilegal
DOURADOS
Focos de Aedes aegypti já motivaram quase R$ 900 mil em multas do CCZ no ano
INCÊNDIOS
Após ponte pegar fogo, desvio deve ser finalizado nesta quinta
FISCALIZAÇÃO
Operação conjunta em parque estadual termina com redes e petrechos ilegais apreendidos
PANDEMIA
Município da região de Dourados teve taxa de isolamento próximo a 10%
MATO GROSSO DO SUL
Cocaína avaliada em R$ 26 milhões é apreendida em meio a carga de milho

Mais Lidas

DOURADOS
Peladão: Homem é detido após armar confusão em motel e quebrar vários quartos
POLÍCIA
Duas mulheres são presas por estelionato em Dourados
TRAGÉDIA
Mulher que morreu em acidente na BR-463 em Ponta Porã tinha 27 anos
TRAGÉDIA
Uma pessoa morre em acidente grave na rodovia BR-463