Menu
Busca sexta, 24 de setembro de 2021
(67) 99257-3397

MS vai apresentar três alternativas de rotas do gasoduto

09 fevereiro 2004 - 13h41

Na reunião que terá na próxima quinta-feira, com a ministra Dilma Rousseff, em Brasília, o governador Zeca do PT apresentará estudo preliminar feito por técnicos da MS-Gás sugerindo três alternativas de rotas para o trecho do Gasoduto da Unificação (Gasun) que atravessa o Estado, visando atender os municípios das regiões Norte e do Bolsão. Os governadores Marconi Perillo (GO) e Joaquim Roriz (DF) também participarão da audiência, somando forças para a aprovação do projeto.Em todas as alternativas a derivação do gasoduto parte da região do rio Mimoso, em Ribas do Rio Pardo, rumo ao Nordeste de Mato Grosso do Sul de onde entra em Goiás. Pela simulação apresentada durante a audiência de Perillo com Zeca, hoje, a Rota 1 seria a mais onerosa ao projeto original, pois acrescentaria 340 quilômetros de canos ao traçado fazendo um desvio em forma de semi-círculo para atender os municípios de Ribas do Rio Pardo, Camapuã, São Gabriel do Oeste, Rio Verde, Coxim, desviaria para Costa Rica, Chapadão do Sul e Cassilândia. Essa alteração representaria aumento de US$ 97,920 milhões no custo total do projeto.A Rota 2 mantém o traçado desenhado pelos técnicos do Ministério dos Transportes, mas sangraria o gasoduto principal com três ramais de transportes em bitola de 6 e 8 polegadas para atender os mesmos municípios. É o suficiente para suprir a demanda de gás dessas regiões, garantiu o diretor-presidente da MS-Gás, Maurício de Arruda, e acrescentaria ao projeto original apenas US$ 33,36 milhões. Ou seja, um terço do custo da primeira alternativa.A Rota 3 acrescenta os três ramais de transporte de gás para as regiões Norte e Bolsão - como o proposto na Rota 2 -, mas sugere uma alteração no traçado do gasoduto que partiria em linha reta até Goiás (no projeto do Ministério dos Transportes o ramal faz um cotovelo em ângulo de 70 graus próximo à cidade de Ribas do Rio Pardo). Essa mudança representaria economia de US$ 21,6 milhões, que deduzida do custo da implantação dos ramais de transportes, chegaria a um acréscimo de US$ 22,92 milhões no custo total do projeto original. Essa é a alternativa mais viável do ponto de vista econômico. O governador Zeca do PT disse que Mato Grosso do Sul “abraça com muito entusiasmo as alternativas colocadas”, e em conjunto com os governadores de Goiás e do Distrito Federal, vai trabalhar para concretizar o projeto. O Gasoduto da Unificação deve se estender por 5.100 quilômetros, levando gás natural até a capital do Maranhão, São Luís, depois de passar por Goiânia (GO), Brasília (DF) e Belém (PA), entre outras cidades. Foi destinado R$ 1,8 bilhão no Plano Plurianual da União para a implantação do projeto, recursos a serem liberados nos próximos cinco anos. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

AJUDA
Caixa paga 6ª parcela do auxílio emergencial a nascidos em abril
REGIÃO
Lei cria programa de fomento à alfabetização no ensino público
Sergio Nogueira fala sobre a situação dos venezuelanos e haitianos em Dourados
TV DOURADOS NEWS
Sergio Nogueira fala sobre a situação dos venezuelanos e haitianos em Dourados
EDUCAÇÃO
Instituto Federal abre novo curso de pós-graduação em Nova Andradina
Adolescente de 17 anos é apreendida com mais de 20 quilos de maconha
SÃO GABRIEL
Adolescente de 17 anos é apreendida com mais de 20 quilos de maconha
CNJ
Comitê Estadual de Saúde reúne-se hoje com transmissão pelo YouTube
ECONOMIA
Governador sanciona lei que reduz ICMS da energia elétrica
CAPITAL
Ciclista é assassinado com pelo menos seis tiros
TEMPO
Sexta-feira de sol com algumas nuvens em Dourados; não chove
Juiz nega liberdade a acusado de matar e carbonizar dono de boate

Mais Lidas

PEDRO JUAN CABALLERO
Adolescentes desaparecidas na fronteira são localizadas
FRONTEIRA
Adolescentes brasileiras estão desaparecidas desde o último sábado
TRAGÉDIA 
Motociclista morre na BR-163 em Dourados após bater em uma capivara 
CRONOGRAMA
Questões técnicas atrasam obras e aeroporto de Dourados não abrirá esse ano