Menu
Busca domingo, 20 de setembro de 2020
(67) 99659-5905

MPE investiga fraude na Câmara de Água Clara

29 janeiro 2004 - 13h33

O MPE (Ministério Público Estadual) está investigando denúncias de desvios de verbas praticados por vereadores do município de Água Clara, Pelo menos cinco parlamentares estariam envolvidos no caso. Na edição de hoje do Diário da Justiça, a Promotoria Pública da comarca local publica o edital de abertura do inquérito civil com objetivo de apurar as denúncias. O promotor responsável pelos trabalhos, Ricardo de Melo Alves, estabeleceu prazo de 90 dias para que tudo seja averiguado. As informações que chegaram ao MPE, referentes a 2001, apontam que os parlamentares estariam simulando viagens para receber os valores das diárias. “O que temos até agora são apenas indícios. Como também se trata de um ano eleitoral, vamos tomar todos os cuidados para que ninguém saia prejudicado, parlamentares ou a comunidade”, aponta o promotor. Os vereadores citados no inquérito civil público são Aparecido Martins Silva, Izaías Rodrigues, Pedro Nogueira de Jesus, todos do PTB, e Valdeir Pedro de Carvalho (PDT). Alves já ouviu alguns parlamentares e outros estão sendo convocados a dar explicações sobre as denúncias. A administração a Câmara, que é presidida pelo pedetista Vicente Amaro de Souza Neto, já encaminhou documentos solicitados pela Promotoria em relação às viagens feitas pelos parlamentares ao longo de 2001. Por enquanto, é cedo para adiantar alguma coisa, segundo Melo. Ele espera concluir as investigações, que começaram em 2001, dentro do prazo estipulado no inquérito civil.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVA ANDRADINA
Condutor com mais de 180 kg maconha tenta fugir mas é capturado pela PRF
ECONOMIA
Estudo da FGV aponta que pandemia provocou queda de renda de 20,1%
REGIÃO
Carro com placas de São Paulo é flagrado com mais 300 quilos de maconha em MS
COVID-19
Saúde atualiza números da pandemia do coronavírus e Brasil tem 363 novos óbitos
TRÁFICO DE DROGAS
PRF apreende 200 kg de maconha dividida em fardos em Bataguassu
POLÍTICA
Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro decide que Cristiane Brasil continuará presa
ÁGUA CLARA
Após perseguição, traficante abandona acompanhante e carro com 64 kg de maconha
R$ 381 MIL
Idosa leva multa por incêndio em área de 95 hectares de vegetação nativa
BRASIL
Marco Aurélio, do STF, recebe alta após passar por cirurgia no joelho
CNJ
Definidos os integrantes do Observatório da Justiça sobre direitos humanos

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher estaciona em vaga preferencial e é xingada por médico
RIO BRILHANTE
Homem de 56 anos cai de trator e morre atropelado em fazenda
DOURADOS
GM flagra aglomeração no centro e três são presos
POLÍCIA
Braço direito de "Marcelo Piloto" é preso no Paraguai