Menu
Busca sábado, 15 de agosto de 2020
(67) 99659-5905
PANDEMIA

Morre ex-deputado Nelson Meurer, condenado na Lava Jato e internado por Covid-19

12 julho 2020 - 13h00Por G1

O ex-deputado federal Nelson Meurer, primeiro condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) na Operação Lava Jato, morreu, aos 77 anos, na manhã deste domingo (12).

Ele estava internado após testar positivo para Covid-19.

A morte foi confirmada pelo advogado do ex-deputado e pela direção da Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão, no sudoeste do Paraná, onde ele cumpria pena de 13 anos e 9 meses, pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.

A Prefeitura de Francisco Beltrão publicou nota nas redes sociais, lamentando a morte do ex-deputado.

Meurer estava internado em um hospital particular desde terça-feira (7), com riscos por ser cardiopata, diabético, hipertenso e renal crônico.

A confirmação do diagnóstico de coronavírus foi divulgada pela defesa dele, na quinta-feira (9).

O advogado do político, Michel Saliba, informou que o corpo deve ser cremado.

Prisão domiciliar negada

De acordo com a defesa, diversos pedidos de prisão domiciliar para Meurer foram negados pelo STF, desde novembro de 2019. O ex-deputado foi preso em outubro.

Nesta semana, o advogado entrou com um novo pedido de prisão domiciliar na Suprema Corte, que não recebeu decisão até este domingo.

A defesa havia argumentado no pedido de prisão domiciliar sobre as doenças pré-existentes de Meurer, a idade avançada e a confirmação de ter contraído o novo coronavírus.

"A situação toda é que ele não ficou em isolamento. Quem está em uma cela, com contato, em um ambiente prisional, está sujeito a isso. Infelizmente, essa realidade poderia ter sido evitada", disse o advogado.

Marcos Andrade, diretor da Penitenciária de Francisco Beltrão, informou que o ex-deputado estava em uma ala de presos que trabalham no local e que outros dois detentos também foram diagnosticados com coronavírus.

Biografia

Nelson Meurer nasceu em 23 de julho de 1942, em Bom Retiro, Santa Catarina. Era agropecuarista e foi prefeito de Francisco Beltrão entre 1989 e 1993.

Atuou como presidente da Cooperativa de Eletrificação Rural e do Sindicato Rural de Francisco Beltrão, de acordo com o Centro de Pesquisa e Documentação da Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Segundo informações da Câmara, foi eleito deputado federal em 1994, tomando posse em 1995. Teve seis legislaturas no cargo, atuando como deputado federal com mandato até 2018.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

TV DOURADOS NEWS
Secretário de Serviços Urbanos de Dourados fala da programação até o fim do ano
PONTA PORÃ
Aos 40 anos, "Chuchu" foi executado com tiros de pistola 9 milímetros
PANDEMIA
Governo Federal executou menos da metade dos recursos para covid-19
SOCIAL
Dourados adquire ônibus para funcionar como CRAS ambulante
UNIGRAN
Acadêmico de Fisioterapia tem trabalho publicado em revista internacional
RIO BRILHANTE
Jovem flagra padrasto tentando invadir casa e se masturbando ao olhar para ela
AGRESSOR DE BOLSONARO
STJ mantém Adélio Bispo no presídio federal de Campo Grande
CORUMBÁ
Idosa de 74 anos é flagrada ao levar cocaína para o filho presidiário
FUTEBOL
Grêmio oficializa venda do atacante Everton Cebolinha para o Benfica
MEIO AMBIENTE
Paranaense é multado em R$ 55 mil por desmatamento ilegal de vegetação

Mais Lidas

DOURADOS
Fogo destrói lanchonete, invade loja e queima várias motocicletas
DOURADOS
Decreto deve autorizar volta de cursos profissionalizantes e atividades práticas de universidades
PANDEMIA
Prefeitura autoriza abertura de bares e flexibiliza funcionamento de outros setores
DOURADOS
Operação 'Gambiarra' mira reformas de escolas municipais pagas por secretária em nome de empresa