Menu
Busca quarta, 27 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Médicos colocam cateter na cabeça do cineasta Fábio Barreto

21 dezembro 2009 - 11h52

O cineasta Fábio Barreto passou por uma cirurgia na manhã desta segunda-feira (21), no Hospital Copa D'Or, em Copacabana, na Zona Sul do Rio. Ele foi operado pelo neurocirurgião Paulo Niemeyer, que colocou um pequeno cateter no ventrículo cerebral para ajudar a diminuir a pressão intracraniana e reduzir o edema.

À tarde, Barreto será submetido a uma nova cirurgia. Desta vez, de acordo com a assessoria do hospital, com o pneumologista João Pantoja. O cineasta vai passar por uma traqueotomia, para ter a respiração facilitada.

Quadro continua grave

De acordo com o cirurgião Paulo Niemeyer, o maior desafio dos médicos é manter a pressão intracraniana equilibrada. O quadro de Fábio continua grave, mas estável.

Nesta segunda, o superintendente médico do Copa D'Or e clínico intensivista João Pantoja se juntou à equipe de Paulo Niemeyer. Ele afirmou que as primeiras 72 horas são as mais importantes e que Fábio não apresentou piora desde domingo, o que é um bom sinal para os médicos.

O cineasta continuará em coma induzido por, no mínimo, uma semana, respirando com ajuda de aparelhos.

O cartunista Ziraldo esteve no local na manhã desta segunda. Ele ressaltou a importância do apoio dos amigos e da corrente positiva.

"Enquanto tiver todo mundo a favor dele, ajuda", disse ele.

Acidente de carro

Ele capotou com o carro na noite de sábado (19) na Rua Real Grandeza, em Botafogo, na Zona Sul do Rio.

Fábio é filho do cineasta Luiz Carlos Barreto e de Lucy Barreto, e irmão do também cineasta Bruno Barreto.

Guarda-vidas conta como foi acidente

O guarda-vidas Wagner Generoso, de 26 anos, que participou do resgate ao cineasta, esteve no hospital para saber sobre seu estado de saúde.

Wagner disse que estava na janela de sua casa quando viu o carro de Fábio ser fechado por outro veículo, que ele não identificou. De acordo com o guarda-vidas, Fábio perdeu o controle, atravessou a mureta divisória da Rua Real Grandeza, próximo ao Cemitério São João Batista. Após bater numa grade, ele capotou.

Filme sobre Lula e indicação ao Oscar

Fábio dirigiu o filme "Lula, o filho do Brasil". Com um orçamento de R$ 12 milhões, o longa estreia no Brasil no dia 1º de janeiro. Baseado no livro homônimo de Denise Paraná, o filme reconta a infância pobre de Lula, recria a relação com a mãe e retrata o sindicalista que mobilizava multidões. O filme estreia em janeiro e deve ocupar entre 400 e 500 salas de cinema.

Barreto também dirigiu ‘Índia’, “O quatrilho”, que chegou a ser indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro, e “A paixão de Jacobina”.


Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Homem acusado de esfaquear a mãe e um amigo da ex-mulher é preso
REMÉDIO CONTRA MALÁRIA
França proíbe uso da hidroxicloroquina para tratamento da Covid-19
PONTA PORÃ
Ambiental autua homem em R$ 15 mil por maus-tratos a animais
DATAFOLHA
Para 61% dos que viram reunião, Bolsonaro quis interferir na PF
POLÍCIA
Idosa é agredida após ter a casa invadida por morador de rua
CULTURA
CineClube UEMS terá encontros online com filmes sobre pandemia
LOTERIA
Confira os números da Mega-Sena, que paga prêmio de R$ 33 milhões
JARAGUARI
Caminhonete paraguaia com R$ 5 mil em multas é apreendida em MS
CORUMBÁ
Companhia aérea deve indenizar por atraso de voo sem justificar motivo
SAÚDE
HU de Dourados lança Manual de Aleitamento Materno em formato de livro

Mais Lidas

DOURADOS
Prefeitura estende toque de recolher em 2h em Dourados
PANDEMIA
Dourados tem mais de 150 casos de Covid-19 e secretário diz ser assustadora a crescente na região
PANDEMIA
Dourados investiga morte com suspeita do novo coronavírus
DOURADOS
Empresários cobram de Délia prova científica para justificar toque de recolher