quinta, 27 de janeiro de 2022
Dourados
33°max
24°min
Campo Grande
30°max
22°min
Três Lagoas
35°max
24°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
EDUCAÇÃO

MEC unificará dados de estudantes em um aplicativo até junho de 2023

26 dezembro 2021 - 09h45Por Agência Brasil

O Ministério da Educação pretende, em 18 meses, unificar em um aplicativo informações da trajetória dos estudantes. A expectativa é de que uma primeira versão do produto, chamado Jornada do Estudante, seja disponibilizada ainda no primeiro semestre de 2022, conforme disse à Rádio Nacional o subsecretário de Tecnologia do MEC e gestor da unidade responsável pelo projeto da Jornada do Estudante, André Castro.

“Historicamente já tivemos iniciativas do MEC visando uma ID estudantil que alcançava um ponto desse projeto. Agora vimos, com a nova proposta, um produto mais amplo, a ser construído de forma conjunta com a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)”, disse o subsecretário.

Segundo ele, a equipe ministerial identificou, em outubro, “um gap e uma série de oportunidades de avanço nos planos de transformação digital do MEC”. Desde então, o ministério mapeou serviços e definiu “eixos estratégicos” de produtos de transformação digital.

“Um desses eixos é o projeto da Jornada do Estudante. A ideia é ser um produto que possa ser entregue direto ao estudante. Como pano de fundo teremos capacidade de gestão de dados e serviços para que os alunos acessem isso de forma facilitada”, disse.

Segundo Castro, quando entrar em operação, o aplicativo representará também um canal direto de comunicação com os estudantes para divulgar “iniciativas, programas ou oportunidades” disponibilizadas pela pasta. "Hoje, o MEC não dispõe de um canal efetivo de diálogo direto com o estudante", disse.

“A ideia é que, a longo prazo, toda pessoa que estudou ou realizou jornada acadêmica possa ter suas informações nesse aplicativo de forma integrada, autêntica e reconhecida pelo MEC”, complementou.

A Jornada do Estudante faz parte do escopo da Rede Aprender, que tem como proposta implementar a plataforma de interoperabilidade da educação brasileira.

Segundo o MEC, o aplicativo será disponibilizado gratuitamente na loja do Gov.br para as plataformas Android e IOS.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Foragida fura bloqueio, mas é presa com quase meia tonelada de maconha
TRÊS LAGOAS

Foragida fura bloqueio, mas é presa com quase meia tonelada de maconha

EDUCAÇÃO

IFMS divulga resultado final de seleção para cursos técnicos a distância

DOURADOS

Melhorias realizadas na PED reforçam segurança de policiais penais

PONTA PORÃ

Motociclista morre atropelado por caminhonete na BR-463

TEMPO

Quinta-feira nublada com possibilidade de chuva em Dourados

FRONTEIRA

Homem é morto na frente da namorada logo após sair de presídio

DIAGNÓSTICO

Anvisa vai decidir na sexta-feira se libera venda de autotestes de Covid

IVINHEMA

Família procura adolescente de 15 anos que está desaparecida

IAGRO

Prorrogado prazo para regularização dos rebanhos de caprinos e ovinos

PONTA PORÃ

Policiais socorrem criança que estava prestes a morrer por convulsão

Mais Lidas

DOURADOS

Homem ostenta em boate, não concorda com valor da conta e vai parar na delegacia

FURTO

Jovem abre algema e tenta fugir de delegacia em Dourados durante autuação

DOURADOS

Preso o jovem autor de pelo menos 20 furtos apenas neste ano

RIBAS DO RIO PARDO

Pai, mãe e filho morreram em colisão entre veículos na BR-262