Menu
Busca segunda, 20 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
ELEIÇÕES 2014

Marina se diz pronta para o segundo turno

04 outubro 2014 - 07h15

A candidata à Presidência da República Marina Silva (PSB) disse que está pronta para o segundo turno durante carreata na Tijuca, Zona Norte do Rio na sexta-feira (4).

Indagada sobre o empate técnico com o candidato Aécio Neves, apontado em pesquisa Datafolha divulgada na quinta, ela disse que o resultado que vale é o do próximo domingo (5).

"No dia 5 de outubro, a pesquisa é definitiva. Não serão as estruturas, o dinheiro, o tempo de televisão, os marqueteiros. É o povo que decide que o povo estará no segundo turno. Nós vamos ganhar da Dilma. O PT quer o PSDB, e o PSDB quer o PT. Eles já se acostumaram em 20 anos. Agora é a terceira força, a sociedade brasileira que identificou a forma de mudar mantendo as conquistas mas não tendo atitude de complacência com a corrupção e a incompetência. Para a frente é que se anda", disse.

Na companhia do candidato a vice, Beto Albuquerque e de outros integrantes do partido e assessores ela percorreu em carro aberto algumas ruas do bairro.

Na Praça Saens Peña, a candidata cumprimentou eleitores e tirou fotografias. Ela não desceu do carro, onde fez um discurso de agradecimento pelo apoio na campanha e voltou a falar sobre corrupção.
"É uma alegria a manifestação espontânea das pessoas. É assim que se faz. Não é com o dinheiro da corrupção, com a calúnia e com a mentira. A postura é de ter coragem de mudar o Brasil com respeito ao dinheiro público", disse.

Marina criticou adversários por não terem apresentado programa de governo. "O Aécio deixou para apresentar nos últimos minutos e ainda pela metade. Nós apresentamos para saúde, educação, segurança e o Bolsa Família. Para ampliar para os que necessitam, pagando o décimo terceiro para os beneficiários do Bolsa Família", afirmou, em referência a proposta que apresentou no debate da TV Globo. Ela também criticou Dilma por supostas promessas não cumpridas. "A presidente em 2010 ganhou eleição prometendo fazer 6 mil creches e só fez 400. Disse que ia manter o país crescendo, e o crescimento é baixíssimo", declarou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dupla é presa em flagrante com drogas e dinheiro
REGIÃO
Dupla é presa em flagrante com drogas e dinheiro
Homem perseguia comerciante há meses e foi preso em Brasilândia
CRIME
Homem perseguia comerciante há meses e foi preso em Brasilândia
Com previsão de 43°C, Dourados tem alerta de onda de calor e de baixa umidade
TEMPO
Com previsão de 43°C, Dourados tem alerta de onda de calor e de baixa umidade
CASSILÂNDIA
Após sair da prisão, homem mantém ex-mulher em cárcere por seis dias
Decreto regulamenta reconhecimento de dívidas da União junto à Caixa
BRASIL
Decreto regulamenta reconhecimento de dívidas da União junto à Caixa
REGIÃO
Mulher apanha, é forçada a ir em festa e homem vai preso
HOMENAGEM
Sessão solene da Câmara de Dourados celebra o Dia do Povo Gaúcho no CTG
CRIME DE ABANDONO
Cinco cães são resgatados em situação de maus-tratos na capital
ETAPA CORUMBÁ
Jardim e Nioaque são campeões da Região Oeste da Liga MS de Voleibol
ECONOMIA
Começam a valer hoje novas alíquotas do IOF

Mais Lidas

'AMIGÃO'
Bêbado bate carro e deixa amigo ferido em canteiro
EVENTO CLANDESTINO
PM encerra festa com pelo menos 2 mil pessoas em Dourados
POLO INDUSTRIAL
Expansão industrial impulsiona investimentos logísticos em Dourados
LOTERIA
Douradense fatura R$ 31 mil ao acertar na quina