quarta, 25 de maio de 2022
São Paulo
23°max
11°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Mapa da violência desagrada a prefeito de Coronel Sapucaia

31 janeiro 2008 - 06h19


 
A divulgação do mapa da violência elaborado pelo sociólogo Julio Jacobo Waiselfisz, diretor de pesquisas do Instituto Sangari, não agradou ao prefeito de Coronel Sapucaia, Ney Kuasne (PR). Ele alega que o estudo baseado em dados fornecidos por todos os municípios brasileiros e que foram coletados no Ministério da Saúde até 2006, denigre a imagem da sua cidade, que está localizada na fronteira com Capitán Bado, no Paraguai.
Por meio de sua assessoria, o prefeito criticou setores da mídia que teriam distorcido informações ao divulgar o mapa da violência. Ele disse que alguns órgãos chegaram a informar que Coronel Sapucaia é terra sem dono e de desova de cadáveres. Também negou que tenha dito que o índice de homicídios no município é normal. Essa informação foi publicada pela Agência Brasil (Radiobras), que entrevistou Ney Kuasne após a divulgação da pesquisa. "Essa divulgação prejudica a imagem do município, que é formado por pessoas trabalhadoras e honestas". O prefeito acredita que o mapa "é coisa de quem, de alguma forma, quer prejudicar a sua cidade".

Estudo
O estudo realizado pelo diretor do Instituto Sangari, sociólogo Julio Jacobo Waiselfisz, foi desenvolvido em parceria com a Rede de Informação Tecnológica Latino-Americana (Ritla), o Ministério da Saúde e o Ministério da Justiça do Brasil, e colocou Coronel Sapucaia na liderança do ranking dos homicídios, tomando como base os dados de todos os municípios brasileiros. Em Coronel Sapucaia, conforme o estudo, durante o ano de 2006, foi registrado o índice de 107,2 homicídios para cada 100 mil habitantes. Com essa proporção, a cidade sul-mato-grossense ficou na primeira posição de uma lista das dez mais violentas do País.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL

Homem é morto a tiro ao atacar guarnição da polícia com faca

JUDICIÁRIO

Sergio Moro vira réu em ação movida pelo PT por prejuízos à Petrobras

Polícia apreende carga de maconha na rodovia MS-164 em Ponta Porã
FRONTEIRA

Polícia apreende carga de maconha na rodovia MS-164 em Ponta Porã

ELEIÇÕES 2022

TSE aprova registro de federação partidária entre PT, PCdoB e PV

ESTADOS UNIDOS

Atirador mata 14 crianças e uma professora em escola no Texas

MERCADO FINANCEIRO

Dólar fecha em alta com mercado à espera de nova sinalização do Fed

BATAGUASSU

Polícia apreende 118 tabletes de maconha em tanque de combustível

FÁTIMA DO SUL

Pedido de cassação de vereador suspeito de agredir a esposa é arquivado

COSTA RICA

Adolescente que participou de execução para vingar estupro é apreendido

ENSINO SUPERIOR

Senado aprova MP que estabelece regras para renegociação de dívidas do Fies

Mais Lidas

TRAGÉDIA

Homem morre e outro fica ferido em estado grave após acidente na Marcelino

DOURADOS

Vídeo mostra momento da colisão que terminou com morte de motociclista

MARCELINO PIRES

Vítima de acidente tinha 33 anos e era sargento na Venezuela antes de se mudar para Dourados

DOURADOS

Segunda vítima de acidente na Marcelino Pires morre no Hospital da Vida