Menu
Busca segunda, 01 de março de 2021
(67) 99257-3397

Manifesto sugere revogação da MP dos transgênicos

03 outubro 2003 - 07h46

Um manifesto assinado por 42 deputados federais, nove senadores e ainda por quatro deputados estaduais doPT, um vereador do partido e representantes de entidades da sociedade civil, estudantes e ambientalistas, Pede a revogação da Medida Provisória 131, que liberou a pantío e a comercialização da soja transgênica.A iniciativa do manifesto partiu dos deputados dos núcleos de Meio Ambiente e Agrário da bancada do PT na Câmara. O deputado João Alfredo (PT-CE), que coordena o Núcleo do Meio Ambiente, disse que o documento torna pública a rejeição à MP, estimula o debate sobre o tema e visa a sensibilizar o governo para revogar a medida. A MP foi editada semana passada e tem de ser votada na Câmara até 10 de novembro, sob pena de trancar a pauta. Ao ser questionado se os signatários do documento votariam contra a medida, João Alfredo defendeu que, nesse caso, o partido não feche questão e libere os deputados para o voto. Ele reportou-se à posição histórica do PT contrária aos produtos geneticamente modificados. Para João Alfredo, a questão "vai além do debate ideológico e das tendências internas do PT".O deputado Adão Pretto (RS), um dos coordenadores do Núcleo Agrário, discorreu sobre a situação dos agricultores do Rio Grande do Sul que terão que pagar royalties à empresa Monsanto, que induziu muitos agricultores a plantar a semente transgênica.Dezenas de representantes de entidades da sociedade civil participaram do ato na Câmara. Para o deputado João Grandão (PT-MS), a MP é "fruto da pressão econômica dos que tentam achar saída para a transgenia, que porémnão pode ser discutida sob o ângulo da soja".O deputado Chico Alencar (PT-RJ) lembrou os princípios da "precaução e cautela" para criticar a MP, "uma vez que não se sabe sobre os malefícios que os produtos podem causar à vida humana". Também o deputado Ivan Valente (PT-SP) lembrou a ausência de estudo sobre impacto ambiental, defendeu a extensão dos debates aos deputados ligados às áreas de saúde e educação, tese que tem o apoio do deputado Anselmo (PT-RO).A deputada Luci Choinacki (PT-SC) considerou a decisão de plantar soja transgênica no Brasil uma ameaça à soberania nacional. O deputado Orlando Desconsi (RS) cobrou do Ministério da Agricultura o cumprimento da lei que trata da rotulagem dos produtos.O manifesto divulgado diz que "a edição da MP 131 avaliza a lógica do "fato consumado" e o plantio ilegal, reforçando a posição daqueles que defendem os interesses da empresa multinacional Monsanto que controla as sementes geneticamente modificadas, contra os interesses dos agricultores". 

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
MEC oferece 30 mil vagas em cursos para professores da área do esporte
BOATOS
SES esclarece sobre materiais hospitalares armazenados em Centro de Convenções
CAMPO GRANDE
PM é preso antes da formatura por ser réu por desacatar superior
ECONOMIA
Banco Central iguala limite do Pix ao das transferências eletrônicas
Daniela Hall é líder de Alan Guedes na Câmara de Dourados
ARTICULAÇÃO
Daniela Hall é líder de Alan Guedes na Câmara de Dourados
PRÓXIMO AO TRANSBORDO
Nova 'cracolândia': comerciantes relatam medo e ameaças no centro de Dourados
DOURADOS
Vacinação de trabalhadores de saúde volta amanhã e de idosos de 89 anos na quarta
EDUCAÇÃO
Divulgado o resultado preliminar do Vestibular UEMS 2021
PANDEMIA
Ocupação de leitos UTI Covid-19 tem queda, mas taxa permanece alta em Dourados
TRÁFICO DE DROGAS
Jovem é preso com droga sintética e maconha em Campo Grande

Mais Lidas

ACIDENTE
Veículo pega fogo ao colidir em coqueiro entre Dourados e Itaporã
DOURADOS
Jovem colide moto e embriagado tenta fugir do hospital, mas é detido
PANDEMIA
Mais uma pessoa morre por covid em Dourados e casos confirmados se aproximam de 21 mil
DOURADOS
Homem é suspeito de incendiar carro de vizinho após ser mordido por cachorro