Menu
Busca terça, 11 de agosto de 2020
(67) 99659-5905

Maníaco de Aquidauana é assassinado dentro do Instituto Penal

19 dezembro 2003 - 09h19

Cícero Duarte Constantino, autor confesso da violência sexual e morte da menina Mayara Brito Neves, de apenas três anos de idade, ocorrida semana passada em Aquidauana, foi assassinado nesta madrugada no Instituto Penal de Campo Grande. Segundo a diretora-geral da DGSP (Diretoria Geral do Sistema Penitenciário), Zenóbia Pedrosa, outro detento que estava junto como Constantino na cela também foi morto. “Ele estava na cela separada com detentos que cometeram o mesmo crime”, afirmou. O acusado havia sido transferido porque Campo Grande porque corria risco de ser linchado pela população da cidade que está revoltada.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MATO GROSSO DO SUL
Decreto autoriza doação de bens móveis para combate ao coronavírus
COVID-19
Defensoria Pública se explica sobre atuação durante pandemia em Dourados
PANDEMIA
MS tem 26 mil recuperados da Covid-19, mas há 5,2 mil casos ativos e 544 morreram
RURAL
Safra deste ano deve ser 3,8% superior à de 2019, prevê IBGE
PANDEMIA
Dourados confirma mais dois óbitos por coronavírus; um deles de município vizinho
POLÍTICA PÚBLICO PRIVADA
Modelo de negócio da PPP será apresentado pela Sanesul nesta terça
ASSEMBLEIA DE MS
CCJR é favorável a tramitação da proposta que cria adicional de risco de vida
DOURADOS
Vereador quer reabertura de parques e volta das atividades esportivas
ECONOMIA
Produção industrial cresce em 14 locais em junho, diz IBGE
INCONSTITUCIONALIDADE
Defensores públicos e procuradores de MS têm foro questionado no STF

Mais Lidas

REGIÃO
Professora morre ao ter moto atingida por carro
DOURADOS
Suspeito de atropelar motociclista durante racha na BR-163 se apresenta à polícia
DOURADOS
Acidente entre carro e moto deixa homem em estado gravíssimo
FRONTEIRA
Ex-lutador de MMA é executado a tiros em confraternização